Vencedora do Prêmio Acirp, Itaeté Máquinas investe na tecnologia aplicada ao agronegócio 

Concessionária John Deere com seis lojas na região atende 120 municípios e foca no relacionamento com o cliente para fomentar a agricultura de precisão. 

Usar a tecnologia para planejar a produção agrícola, aumentar a produtividade e reduzir custos é um dos principais pilares do agronegócio do futuro. Estudos e pesquisas indicam que a agricultura de precisão é a principal alternativa para produtores rurais que querem mais rentabilidade em suas propriedades. 

Uma frota de máquinas agrícolas com tecnologia embarcada e adequada à necessidade de cada segmento é essencial, assim como uma consultoria especializada para indicar os equipamentos que farão a produção crescer e o custo cair. É neste cenário que se destacam empresas que se dedicam a identificar oportunidades para gerar mais lucratividade no campo, como as concessionárias. 

Vencedora do Prêmio Acirp 2019 na Categoria Agronegócios, a Itaeté Máquinas, concessionária John Deere fundada em 2008, tem entre seus diferenciais o atendimento personalizado, visando garantir que o cliente obtenha ganhos expressivos e reduza seus custos. 

A empresa, fundada em São José do Rio Preto, possui seis lojas na região, abrangendo 120 municípios. De acordo com Mauro De Stéfani, diretor da Itaeté Máquinas, a vocação agrícola do Norte e Noroeste paulista possibilita a implementação de soluções para diversos segmentos. 

“Nossa equipe é preparada para identificar oportunidades de chegar no cliente e conseguir reduzir custo para ele. Em um mercado predominantemente canavieiro, nossos especialistas consegue atender, avaliar necessidades e até mesmo treinar os operadores com excelência, visando sempre criar confiança com o cliente”, enfatiza. 

Com mais de 200 colaboradores e representando a marca que tem o maior portfólio de produtos, a Itaeté tem seu modelo de negócios focado nos clientes em suas três áreas principais de atuação: vendas, pós-vendas e serviços. Todas as frentes estão apoiadas na agricultura de precisão e são direcionadas à performance e desempenho dos equipamentos. 

Projeto Social – Itaeté Máquinas promove um projeto social desde 2018, ano em que completou 10 anos de sua fundação. Trata-se do Movimento Abraçar, de âmbito nacional, que a empresa promove na região de São Jose do Rio Preto, abrangendo aproximadamente 120 municípios. O objetivo da iniciativa é combater a causa raiz da violência e da corrupção no país por meio da formação da índole das pessoas, que acontece dos zero aos sete anos de idade. A atividade consiste em uma grade complementar, aplicada em creches públicas, permitindo a formação de crianças com base em valores humanos. O programa não depende de nenhum recurso público, sendo custeado pela iniciativa privada, no caso, a Itaeté Maquinas. 

Agronegócio na região – Para Stéfani, a região segue com grande potencial para o agronegócio, mas é preciso que os proprietários estejam atentos à modernização da frota para reduzir custos. “O equipamento novo e a tecnologia embarcada, por exemplo, diminuem o consumo de combustível, os gastos com manutenção e até mesmo a frota, já que é possível produzir mais com menos máquinas”, afirma. O empresário destaca que as regiões atendidas pela Itaeté Máquinas possuem solo adequado, clima adequado e boa logística, características positivas para o agronegócio. No entanto, para garantir lucratividade na produção, além dessas condições favoráveis, é preciso investir em tecnologias inteligentes. “A empresa busca oferecer um portfólio de produtos que atenda a cada cliente com o adicional de possibilitar formação, treinamento e orientação para que o lucro seja maior. Isto é, além do equipamento, temos uma consultoria especializada para conhecer a real necessidade e ajudar na melhoria dos processos”, completa Stéfani. 

Prêmio Acirp – Acompanhando a evolução tecnológica implementada no mercado agrícola, a Itaeté Máquinas busca constantemente aperfeiçoar sua relação com os clientes e a formação de suas equipes. Após 11 anos de atuação no mercado, a empresa optou por participar do Prêmio Acirp e foi reconhecida como destaque na Categoria Agronegócios pelo comitê avaliador da premiação, que reconhece a qualidade do trabalho. “Acima de tudo, queremos ser relevantes para nosso cliente, por isso, o Prêmio Acirp nos dá o reconhecimento de que estamos conseguindo nos destacar em nosso mercado e fazer a diferença para o agronegócio”, finaliza Stéfani. 

Sobre a Itaeté Máquinas 

Itaeté, em Tupi-Guarani, significa pedra muito dura ou aço, segundo o dicionário Tupi-Português de Luiz Caldas Tibiriçá. A Itaeté Máquinas foi fundada em 2008, quando foi nomeada concessionária John Deere. Demonstrando tradição em pós-venda desde a fundação oferece contratos de manutenção aos seus clientes frotistas. A empresa mantém equipe de consultores de negócios para indicar equipamentos que maximizem a produtividade e eficácia na operação. Técnicos treinados e manutenção de estoque de peças são componentes que garantem a disponibilidade dos equipamentos John Deere na região. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password