Polícia apreende nota falsa de R$ 420 em alusão à maconha

A Polícia Civil deflagrou a segunda fase da Operação Taric, que visa o combate aos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, nesta segunda-feira (18), Presidente Prudente (SP) e Dracena (SP). Sete pessoas foram presas, uma delas em flagrante.

Em Presidente Prudente, os policiais cumpriram mandados no Cecap, São Bento Watal Ishisbahi, Vila Marina, Bela Vista, Jd. Brasilia e Vila Furquim. Já em Dracena o alvo foi o bairro Vila Lucélia. Sete mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão domiciliar foram cumpridos. A polícia apreendeu drogas, balanças de precisão, dinheiro e aparelhos eletrônicos.

Segundo a corporação, o que mais chamou atenção foi a ousadia de um dos presos que estava com uma nota de R$ 420. A nota tem símbolos alusivos ao consumo de maconha, com a foto da planta e do bicho preguiça.

De acordo com a polícia, os ‘420’ é uma alusão ao horário mundialmente conhecido como do consumo da droga maconha, que é às 4h20 da tarde.

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password