Pai é flagrado levando dinheiro, droga e comprovantes bancários ao filho preso no CDP em Rio Preto 

Apreensão ocorreu no final de semana, além de outros presídios que também registraram ocorrências. 

Nos dias 16 e 17 de novembro, estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista.  

Vale lembrar que os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

SÁBADO (16) 

PENITENCIÁRIA “SÍLVIO YOSHIHICO HINOHARA” DE PRESIDENTE BERNARDES 
Durante procedimento de revista através do scanner corporal, uma visitante foi flagrada com a posse de um aparelho de telefonia celular, o qual mantinha escondido na genitália. A visitante em questão foi conduzida à Delegacia de Polícia local, onde foi lavrado o respectivo Boletim de Ocorrência, sendo ainda instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade do sentenciado que receberia o referido aparelho. A mulher foi ainda suspensa do rol de visitas.

PENITENCIÁRIA DE VALPARAÍSO 
No último sábado, durante os procedimentos de revista através do aparelho de scanner corporal, duas visitantes foram surpreendidas tentando adentrar a Unidade Prisional com substância esverdeada, aparentando ser entorpecente (maconha). Ambas estavam cadastradas como companheiras no rol de visitas de sentenciados e ocultavam as referidas substâncias em suas roupas íntimas. Foram apreendidos com as visitantes um cigarro e dois pacotes com erva esverdeada, respectivamente. A Polícia Militar foi acionada e as visitantes encaminhadas à Delegacia de Polícia local, para lavratura dos Boletins de Ocorrência, sendo ainda suspensas do rol de visitas e os sentenciados encaminhados para o Pavilhão Disciplinar.

PENITENCIÁRIA “ ASP ANÍSIO APARECIDO DE OLIVEIRA” DE ANDRADINA 
Ao ser submetida à revista através do scanner corporal, foi observado que a Sra. C.C.C., a qual visitaria o reeducando D.H.J., possuía algo estranho na altura da sua genitália. Após ser questionada pela servidora da Unidade, a visitante assumiu que se tratava de entorpecente, retirando espontaneamente um volume significativo de uma substância semelhante a maconha, que estava escondida no forro de sua roupa íntima (calcinha). Diante dos fatos, a Polícia Militar foi acionada, sendo encaminhada para a Delegacia Seccional de Polícia de Andradina para as providências cabíveis. A mulher foi suspensa do rol de visitas.

PENITENCIÁRIA DE IRAPURU 
Por volta das 11h, durante os procedimentos de revista através de scanner corporal, foi constatada a presença de um objeto suspeito nas partes íntimas da companheira de um sentenciado. Ao ser questionada, a mesma retirou um invólucro, o qual continha um micro aparelho celular, sem bateria e sem chip. Ante o exposto, o material foi apreendido, a autoridade policial comunicada e o sentenciado que receberia a visita conduzido preventivamente ao pavilhão disciplinar, bem como, instaurado procedimento disciplinar e apuração preliminar para averiguação dos fatos. A mulher foi suspensa do rol de visitas.

PENITENCIÁRIA “LUIS APARECIDO FERNANDES” DE LAVÍNIA II 
Durante os procedimentos de revista através do aparelho de scanner corporal, foram apreendidos dois micro aparelhos celulares. O primeiro caso trata-se de um visitante do sexo masculino, cadastrado como companheiro de um sentenciado e a segunda ocorrência, uma visitante do sexo feminino, também cadastrada como companheira de outro sentenciado.

Ambos foram surpreendidos com algo suspeito no corpo, assumindo e entregando voluntariamente os invólucros contento os referidos aparelhos celulares. Foram lavrados os Comunicados de Evento, os sentenciados isolados preventivamente e instaurados Procedimentos Disciplinares para melhor apuração dos fatos. Os visitantes, juntamente com os materiais apreendidos, foram apresentados perante a Autoridade Policial para as providências da Polícia Judiciária, sendo ainda confeccionados expedientes de suspensão do rol de visitas, nos termos da Resolução SAP-144/2010.
 
PENITENCIÁRIA “A.E.V.P. CRISTIANO DE OLIVEIRA” DE FLÓRIDA PAULISTA 
Visitante é flagrada tentando adentrar à Penitenciária portando objetos proibidos no âmbito das Unidades Prisionais. O fato ocorreu por volta das 09h30, no setor de Portaria, quando a visitante A.S.M., companheira do sentenciado A.S.A., ao ser submetida aos procedimentos legais de revista mecânica, foi surpreendida trazendo consigo seis pedaços de papel, aparentando ser suposta substância entorpecente conhecida por “K4”.

Diante da apreensão a Polícia Civil foi acionada, conduzindo a visitante e a substância apreendida até a Delegacia de Polícia local para a elaboração do Boletim de Ocorrência e demais providências pertinentes. A visitante foi suspensa administrativamente do rol de visitas do sentenciado, conforme ordena a legislação vigente, sendo ainda instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade do detento envolvido.

CENTRO DE DETENÇÃO PROVISÓRIA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO 
Pai de um detento é surpreendido tentando adentrar com cédula de dinheiro e suposto entorpecente no Centro de Detenção Provisória de São José do Rio Preto. Por volta das 10h30, através das imagens geradas pelo aparelho de scanner corporal, foi verificado que o visitante M.A.G.R., possuía um volume suspeito na região do cós da calça, constatando-se que se tratava de uma cédula de dinheiro, no valor de R$ 20,00, um comprovante bancário em nome de B.A.N.S., e dois pequenos pedaços de papel de cor avermelhado, aparentando ser algum tipo de droga sintética.

Diante dos fatos, o visitante, juntamente com o material aprendido, foi conduzido ao plantão policial onde foi registrado o Boletim de Ocorrência, bem como determinada a suspensão do visitante nos termos da Resolução SAP 144, de 29.06.2010. Foi ainda instaurado procedimento interno disciplinar para averiguar possível cumplicidade do detento que receberia a visita.

DOMINGO (17) 

PENITENCIÁRIA DE ASSIS 
No último domingo, por volta das 07h30, ao revistar a sacola de alimentos trazidos pela companheira de um sentenciado, foi visualizado através das imagens do aparelho de Raios X, uma faca junto a seus pertences. Questionada sobre o fato, a mesma não soube dizer como o referido objeto foi aparecer em meio a suas coisas. A visitante foi suspensa e o preso recolhido ao pavilhão disciplinar para averiguação.
 
PENITENCIÁRIA DE VALPARAÍSO 
Ao ser submetida a revista de imagem, através do scanner corporal, foi constatado que a companheira de um sentenciado portava um invólucro escondido em suas partes íntimas, o qual continha um aparelho celular e um pedaço de fio de estanho para solda. A visitante foi suspensa do rol de visitas e o sentenciado encaminhado para o Pavilhão Disciplinar.

PENITENCIÁRIA “LUIS APARECIDO FERNANDES” DE LAVÍNIA II 
Durante os procedimentos rotineiros de revista através do scanner corporal, uma visitante, cadastrada como companheira no rol de visitas de um sentenciado foi surpreendida com algo estranho em seu corpo, retirando e entregando voluntariamente um invólucro contendo um micro aparelho celular.

Diante da apreensão, foi lavrado o Comunicado de Evento, o sentenciado isolado preventivamente e instaurado Procedimento Disciplinar para melhor apuração dos fatos. A visitante, juntamente com o material apreendido, foi apresentada perante a Autoridade Policial para as providências da Polícia Judiciária, sendo ainda confeccionado expediente de suspensão da visitante em questão, nos termos da Resolução SAP-144/2010.

FONTE: Informações cedidas pela SAP

0 Comentários

Deixe um Comentário

18 − dez =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password