Marília é multado por cantos homofóbicos em jogo contra o FFC

Os cantos homofóbicos na partida de ida das semifinais do Campeonato Paulista da Segunda Divisão contra o Fernandópolis, poderia ter gerado problemas ainda maiores para o Marília. Isso porque, na noite desta segunda-feira (21) o MAC foi apenas multado pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo (TJD-SP) e não perdeu mando de campo, com isso a decisão está confirmada para o Estádio Bento de Abreu.

Ao todo, a multa ficou em R$ 1.500. Na ocasião o árbitro Humberto José Junior relatou os acontecimentos na súmula, em que os torcedores do Marília faziam cânticos homofóbicos enquanto o goleiro não cobrava tiro de meda ou uma falta perto de sua área.

Já nos lados do Paulista, o goleiro Matheus Lopes está liberado para jogar nos dois jogos da final. Ele pegou gancho de um jogo de suspensão, em virtude da sua expulsão no jogo de volta das quartas de final, contra o Assisense, que já foi cumprido na partida seguinte.

Os dois duelos das finais da Segundona serão disputados nos próximos sábados. No dia 26, Marília e Paulista se encontram às 19h30, no Estádio Bento de Abreu. Já o jogo de volta está marcado para o dia 02, às 16h, desta vez no Estádio Jaime Cintra. Por ter melhor campanha, o Galo do Japí se sagra campeão com dois empates.

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password