Igreja é atacada durante missa em Burkina Faso, na África 

Seis cristãos, entre eles um padre, morreram. Os crimes foram atribuídos a grupos jihadistas, de apoio ao Islã e a Organização Estado Islâmico do Grande Sahara.

Na manhã de ontem (12), homens armados atacaram uma igreja durante uma missa na cidade de Dablo, no norte de Burkina Faso, na África. Seis pessoas, entre eles um padre, morreram, de acordo rede britânica BBC. 

“Homens armados agiram durante a missa na igreja católica. Eles começaram a atirar enquanto as pessoas tentavam fugir”, disse o prefeito de DabloOusmane Zongo. 

Esse é o terceiro ataque às igrejas no país nas últimas cinco semanas. 

De acordo com o prefeito da cidade, os crimes tem sido atribuídos a grupos jihadistas, de apoio ao Islã, aos Muçulmanos e a Organização Estado Islâmico do Grande Sahara. Toda a população está em pânico, pois o número de vítimas só aumenta. 

Os agressores também incendiaram lojas e um centro de saúde próximos, disse um funcionário do governo à BBC. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

dezesseis − 10 =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password