Estados Unidos vencem Holanda e conquistam o tetra na França 

Seleção americana confirmou o favoritismo em Lyon e venceu por 2 a 0, para garantir o segundo título consecutivo de Copa do Mundo. 

Os Estados Unidos são tetracampeões da Copa do Mundo feminina de futebol. Confirmando o favoritismo, a seleção americana derrotou a Holanda, por 2 a 0, neste domingo, em Lyon. Os gols no Estádio Parc Olympique Lyonnais saíram no segundo tempo. Rapinoe, de pênalti, abriu o placar e Lavelle ampliou. 

As holandesas não alcançaram a conquista inédita, na mesma data em que a seleção masculina foi derrotada pela Alemanha, em 1974, na primeira final de Copa de sua história. A Suécia ficou com o terceiro lugar, depois de derrotar a Inglaterra, no sábado, por 2 a 1, também em Lyon. 

Holanda resiste 

Ciente da pressão inicial exercida pelos Estados Unidos, que balançaram as redes antes dos 15 minutos em todos os jogos da Copa da França, a Holanda veio com uma proposta de se defender e esperar um erro adversário para buscar o contra-ataque. A estratégia funcionou e as americanas não conseguiram levar perigo até os 27, quando Ertz aproveitou sobra de um cruzamento na área e chutou forte para a defesa de Van Veenendaal. No lado direito defensivo da equipe dos Países Baixos, Van Lunteren e Rapinoe travavam duelo particular interessante. 

Goleira brilha 

Nos minutos finais do primeiro tempo, as atuais campeãs do mundo voltaram a intensificar o ritmo e só não abriram o placar graças a brilhantes defesas da camisa 1 da Holanda. Mewis, de cabeça, e a artilheira Alex Morgan, duas vezes, pararam no paredão laranja. No ataque, o time comandado por Sarina Wiegman teve as melhores chances na bola parada, com Spitse. 

Capitã resolve 

A dinâmica da partida não se alterou até os 11 minutos da segunda etapa. Van Der Gragt vacilou ao tentar afastar um lançamento para Alex Morgan e acertou um chute na atacante adversária. Após consultar o vídeo, a árbitra Stephanie Frappart marcou pênalti. Rapinoe, destaque da seleção americana no Mundial, cobrou firme de pé direito para abrir o placar e se igualar à Morgan e Ellen White, da Inglaterra, na artilharia do torneio, com seis gols. 

O tetra veio 

Com o gol, a Holanda foi obrigada a partir em busca do empate. Miedema teve a melhor chance, em lance individual, mas foi cercada pelas rivais antes de conseguir finalizar. Com mais espaços os Estados Unidos não demoraram a ampliar. Em um contra-ataque, Lavelle carregou a bola com liberdade e chutou no canto. Heath e Morgan ainda tiveram chance de marcar o terceiro. Com o resultado construído, as americanas só administraram e esperaram o apito final para comemorar domínio do futebol feminino mundial, merecidamente. 

FONTE: Informações | Terra

0 Comentários

Deixe um Comentário

8 − dois =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password