Em GO: Criança de dois anos morre de tanto apanhar do padrasto

No hospital de Catalão/GO, a vítima sofreu seis paradas cardíacas e não resistiu.

Após ser agredido pelo padrasto, de 19 anos, um menino de 2 anos morreu na última sexta-feira (27) dentro de casa, em Catalão/GO. O agressor foi preso em flagrante em um hotel da cidade, onde estava escondido.

Ao ouvir o choro da criança, os vizinhos chamaram o Corpo de Bombeiros, que encaminhou o menino a Santa Casa de Catalão. No hospital, a vítima sofreu seis paradas cardíacas e não resistiu.

Os médicos e enfermeiros do hospital desconfiaram da agressão por conta das lesões do garoto lesões e chamaram a Polícia Militar. “A criança apresentava muitos ferimentos nas costas e na cabeça, e teve hemorragia cerebral”, afirmou o delegado encarregado do caso.

Mãe não estava em casa

Segundo as autoridades, os peritos foram à casa onde a criança vivia com a mãe, que está grávida, o padrasto e uma irmã de 4 anos. No local, eles encontraram diversos sinais de agressão.

Além das provas, os vizinhos da família relataram que o padrasto “agrediu muito” o menino. Eles afirmaram também que as agressões eram comuns.

A mãe do menino estava em uma consulta médica durante o momento das agressões. Ela foi ouvida e confirmou que o companheiro costumava bater na criança. O Conselho Tutelar acompanha o caso.

Com passagens por tráfico de drogas e outro homicídio, o padrasto está no presídio de Catalão e deverá responder por homicídio doloso, quando há intenção de matar.

FONTE: Informações | R7

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página