Agosto dourado: importância da amamentação

Enfermeira obstetra da Santa Casa, Lilian Curti, falou sobre os benefícios do aleitamento materno.

A amamentação é um momento único para a mãe e o bebê. É se dedicar única e exclusivamente para quem agora carrega em seus braços. É saciar a fome e impulsionar o desenvolvimento. Nutrir, alimentar, cuidar. Criar vínculos. É saúde, amor e vida.

É tão importante que agosto foi instituído no Brasil como mês dedicado para o aleitamento materno desde 2017. “Estudos comprovam que a amamentação é capaz de salvar 13% de crianças menores de 5 anos em todo o mundo. É considerada a chave, assim como parto natural, do desenvolvimento sustentável. É alimento de ouro do recém-nascido, por isso a denominação da campanha de conscientização de agosto dourado”, disse a enfermeira obstetra da Santa Casa de Votuporanga, Lilian Curti.

Benefícios

A profissional destacou que o ato reduz mortalidades e morbidades. “É indicado desde a primeira hora de vida e deve ser exclusivo até o sexto mês, podendo ser prorrogado até dois anos ou mais. São indiscutíveis os benefícios psicológicos, socioeconômicos e culturais que proporciona”, ressaltou.

Lilian explicou que o leite materno é composto por milhões de células que ajudam o sistema imunológico, regenerando os órgãos e tecidos. “É formado por mais de 1.000 proteínas, 20 compostos de aminoácidos, mais de 40 enzimas, anticorpos. Assim, evita infecções respiratórias, diarreia, alergias, diabetes, obesidade, prevenindo colesterol na pré-adolescência e oferecendo melhor nutrição”, complementou.

Posições

Há várias posições para o aleitamento, mas as mais usadas são as clássicas, invertidas e cavalinhos. Entretanto, independente do método, é importante trocar o seio. Essa dica ajuda a aumentar a produção de leite e prevenir a mastite.

A enfermeira também destacou que o momento deve ser agradável para a mãe e o bebê. “É fundamental que você relaxe antes e durante a amamentação, pois isso tornará a experiência mais agradável e melhor para você e seu filho. A amamentação é uma oportunidade maravilhosa de criar laços e, com a pega certa, também será uma experiência prazerosa para você”, enfatizou.

Coronavírus

Até o presente momento, não há evidência em estudos de que o Coronavírus (COVID-19) pode ser transmitido pelo leite materno.

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password