Suspeito de estupro coletivo de menina de 12 anos em baile funk é preso  

Segundo investigação da polícia do RJ, pelo menos 11 homens obrigaram a vítima a ingerir bebida alcoólica durante um baile funk e depois a levaram para uma casa abandonada, onde o crime aconteceu.

Ontem (26), a polícia do Rio de Janeiro prendeu um suspeito do estupro coletivo de uma adolescente de 12 anos durante o carnaval deste ano em um baile funk no Morro do Carvão, em Itaguaí, Região Metropolitana do Rio. Jorge Luís da S. Peres, de 18 anos, foi preso em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, por agentes da 50ª DP (Itaguaí). 

Segundo a polícia, a vítima foi obrigada a ingerir bebidas alcoólicas por alguns traficantes, que se aproveitaram do estado da menina e obrigaram ela a ficar nua. 

Um dos homens a puxou pelo pescoço e disse que “Sheik” (traficante local) queria falar com ela. A adolescente foi levada à força para uma casa abandonada, próxima ao local do baile, onde pelo menos 11 homens aguardavam em um banheiro e abusaram sexualmente da vítima. Os bandidos gravaram toda a ação. 

Durante as investigações, a polícia encontrou o local do crime e identificou quatro suspeitos, que tiveram a prisão temporária decretada. São considerados foragidos: Nielson Correa Miguel, vulgo “Sheik” de 28 anos; Higor Teixeira da Silva de 22 anos e Marcelo Mendes Moreira de 31 anos. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página