Servidores e reenducandos de SP recebem vacinação contra a gripe

Imunização nas unidades prisionais deve concluída no final de maio com previsão de vacinar 90% da população carcerária.

Servidores e reeducandos estão sendo imunizados contra a gripe. A campanha nacional de vacinação foi antecipada este ano em razão da pandemia do coronavírus. A iniciativa faz parte das ações contra a propagação do novo vírus, cujo objetivo é combater outros contágios virais que possam confundir a população e atrapalhar os cuidados com o coronavírus.

A imunização nos presídios paulistas deve ser concluída no final de maio e a previsão é de que a campanha atinja cerca de 90% da população carcerária.

“Vale ressaltar que a vacina aplicada neste ano protege contra os três tipos do vírus Influenza: H1N1, H3N2 e Gripe B. Apesar de parecer simples, a doença, em suas mais diversas variações, pode trazer complicações e levar a óbito. Por isso, é fundamental se prevenir, principalmente por meio da vacinação”, ressalta Juliana Cândido de Oliveira Storio, enfermeira responsável por realizar a vacinação na sede da Coordenadoria Noroeste.

A imunização nas unidades prisionais é feita em parceria com o Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado (CVE), Grupo de Vigilância Epidemiológica Regional (GVE) e redes municipais de saúde.

“Além de proteger contra a Influenza, precisamos minimizar o impacto sobre os serviços de saúde em meio a pandemia de coronavírus, já que os sintomas destas doenças são semelhantes”, diz o Secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

FONTE: Informações | Portal do Governo de SP

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password