Rapaz que matou idoso a facadas em Votuporanga era procurado da Justiça, diz delegada

Wender de Oliveira foi preso em flagrante depois de cometer o crime na madrugada de quarta-feira (12), em Votuporanga (SP). Além de ter mandado de prisão por tráfico de drogas, ele também tem passagens por furtos.

O suspeito de invadir uma propriedade rural e matar esfaqueado o idoso Walcir Ciconi, de 82 anos, em Votuporanga (SP), tinha um mandado de prisão expedido pela Justiça por tráfico de drogas, segundo a Polícia Civil.

Wender de Oliveira, de 36 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Militar logo após cometer o crime na madrugada de quarta-feira (12). Ele permanece à disposição da Justiça e deve passar por audiência de custódia na quinta-feira (13).

De acordo com a delegada responsável pela investigação, Karina Gonçalves Tirapeli de Biazi, o suspeito manteve silêncio durante depoimento e não soube explicar a motivação do assassinato.

“Quando foi feita a consulta dos antecedentes criminais dele, foi verificado de que ele era procurado, além de ter passagens por tráfico e furto”, afirma a delegada.

Depois de a prisão ser realizada, outras vítimas de furtos e roubos entraram em contato com a polícia para informar que Wender poderia ser o autor dos crimes.

“Durante o flagrante, tivemos informações de vítimas de outros roubos ocorridos aqui e na região. Então, vai ser feita uma investigação e a tentativa de reconhecimento para esclarecimentos de outros crimes que ele possa ter cometido”, explica a delegada.

Ainda segundo Karina, o crime comoveu policiais civis e militares do município. “Foi um caso que deixou a gente muito chocado pela barbaridade e crueldade.

Um senhor, com mais de 80 anos, morto a facadas dentro de sua propriedade rural”, diz a delegada.

CRIME

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito armado com uma faca invadiu a propriedade rural onde a vítima morava com a mulher, uma idosa de 75 anos.

Ao escutar o barulho da porta sendo arrombada, Valcir foi verificar o que estava acontecendo, mas foi surpreendido pelo criminoso, que o esfaqueou.

A mulher dele foi rendida e trancada dentro de um dos quartos do imóvel. Em determinado momento, ela pediu para ir ao banheiro, que fica do lado de fora do sítio.

O ladrão permitiu que a mulher usasse o banheiro, mas a acompanhou.

Durante o trajeto, os cachorros do casal atacaram o criminoso.

A idosa, então, conseguiu correr até o sítio do vizinho. A Polícia Militar foi acionada e deslocou equipes para a propriedade rural do casal.

“Encontramos o indivíduo que tinha arrastado o corpo da vítima para fora da casa, tentando colocar fogo no corpo. Ele fugiu, mas os policias conseguiram prender.

Ele entrou em luta corporal com a polícia, mas foi preso”, afirma o capitão da Polícia Militar André Navarreti.

G1

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password