Queimada que destruiu área de reserva ambiental em Castilho é controlada após cinco dias de combate às chamas 

Fogo começou na noite de segunda-feira (26) e destruiu área equivalente a dois mil campos de futebol; diversos animais morreram carbonizados. 

queimada que atingiu e destruiu uma reserva ambiental de Castilho/SP, sendo equivalente a mais de dois mil campos de futebol, foi controlada. Segundo os bombeiros, foram cinco dias combatendo o fogo no local. 

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou em uma plantação de cana-de-açúcar na segunda-feira (26), se espalhou rapidamente, atingiu a área de reserva e foi controlado somente na noite de sábado (31). 

Uma “força-tarefa” foi para facilitar o combate às chamas. Mais de 50 profissionais trabalharam na ocorrência, que contou com o apoio dos helicópteros Águia, da Polícia Militar de Presidente Prudente/SP e Andradina/SP, e um avião-tanque cedido pela Defesa Civil do estado de São Paulo. 

Imagens feita do alto e divulgadas pela Polícia Militar mostraram o tamanho da dimensão que a queimada tomou. Diversos animais foram flagrados fugindo do fogo. Outros não conseguiram fugir a tempo e morreram carbonizados. 

Segundo o tenente do Corpo de Bombeiros, Romel Chaparro, apesar dos focos de incêndios terem sido controlados, agentes da corporação ainda permanecem no local para monitorar a situação. 

Durante o combate às chamas, a Cesp (Companhia Energética de São Paulo), concessionária responsável pela preservação da mata, afirmou que profissionais acompanharam a ocorrência para fazer um levantamento dos animais mortos e da área consumida. 

FONTE: Informações | G1 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password