Presos na operação da Polícia Federal são transferidos para presídios da região de Votuporanga

O diretor geral da Universidade Brasil em Fernandópolis, Amauri Piratininga da Silva e o advogado Orlando Machado Junior, presos nesta terça-feira, dia 3, em operação da Policia Federal de Jales, que investiga fraudes na venda de vagas de medicina e no Fies, são transferidos para presídios da região.

Amauri Piratininga, que também é funcionário do Fórum de Fernandópolis, foi levado à Cadeia Pública de Guarani d´Oeste, região de Fernandópolis, por se tratar de uma prisão temporária de cinco dias.

Já Orlando Machado, foi transferido da sede da Policia Federal em Jales para o Penitenciaria de Riolândia, na região de Votuporanga. Ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça Federal.

Já o presidente e o vice do Fernandópolis Futebol Clube, Oclécio Dutra e Ricardo Saravalli permanecem presos na capital paulista

0 Comentários

Deixe um Comentário

dezesseis − quatro =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password