Prefeito de Rio Preto decide manter comércio fechado até dia 7

Edinho cancelou a reunião que estava marcada para esta segunda-feira, 30, e decidiu que o que prevalece é o decreto do governo do Estado.

O prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), decidiu nesta segunda-feira, 30, revogar decreto que impedia abertura de lojas do comércio até 15 de abril. O município, porém, irá manter as regras que determinam o fechamento do comércio, salvo serviços não essenciais, até 7 de abril, conforme decreto do governador de São Paulo, João Doria.

Em comunicado enviado a vereadores e representantes do comércio, a Prefeitura cancela a reunião que estava marcada para esta segunda e informa que “seguirá as recomendações e orientações descritas no teor do decreto do governo estadual de São Paulo, assinado pelo Governador João Dória, juntamente com a orientação do Ministério Público, que estipulou o prazo de quarentena até o dia 7 de abril de 2020 (terça-feira).”

O documento diz ainda que a decisão tomada “visa proteger a população, além de auxiliar na diminuição da propagação do vírus COVID-19, que tanto nos assola, sendo nosso país atualmente, um dos focos da propagação no cenário mundial.”

“O decreto municipal será revogado e vai prevalecer do governo do Estado. As determinações valem até 7 de abril. Já está decidido”, afirmou o secretário de Governo, Jair Moretti.

Na última sexta-feira, 27, a Prefeitura foi alvo de protestos de comerciantes e trabalhadores autônomos, que pediam a reabertura do comércio já nesta segunda-feira, 30. Um dia antes, porém, o prefeito Edinho Araújo já havia se reunido com representantes da Acirp para discutir a retomada das atividades. Na ocasião, Edinho afirmou que reavaliaria os decretos nesta segunda.

Vinícius Marques   – diarioweb.com.br

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password