Polícia prende 5 suspeitos de envolvimento em morte de motorista

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Presidente Prudente (SP), prendeu nesta segunda-feira (17) cinco suspeitos de envolvimento no assassinato do motorista de aplicativo de transporte, Luciano Galindo, de 42 anos.

O corpo da vítima havia sido encontrado em uma vala, no último sábado (15), em Álvares Machado (SP).

Três dos suspeitos foram detidos em Nova Alvorada do Sul (MS), sendo dois rapazes de 19 anos e um adolescente de 16 anos.

Um suspeito de 56 anos foi detido em Álvares Machado o quinto preso, de 24 anos, morava no Residencial Maré Mansa, em Presidente Prudente.

A Polícia Civil pediu a decretação da prisão temporária de todos eles, pelo prazo inicial de 30 dias, e aguarda uma decisão do Poder Judiciário.

Durante as investigações, os agentes descobriram que o carro da vítima, que havia sido levado após o crime, foi encaminhado ao Paraguai, onde seria trocado por droga.

​O CRIME

No último sábado (15), o motorista de aplicativo de transporte, identificado como Luciano Galindo, de 42 anos, foi encontrado morto em uma vala em uma estrada rural de Álvares Machado.

O corpo tinha, aparentemente, 13 perfurações que pareciam ser facadas, segundo a Polícia Civil. Um homem que fazia caminhada pela estrada encontrou o corpo da vítima e chamou a Polícia Militar.

A família do motorista havia registrado um Boletim de Ocorrência, no sábado de manhã​,​ por desaparecimento, pois ele havia saído para trabalhar na sexta-feira (14), com seu carro, e a esposa e amigos não conseguiram mais contato com ele desde então.

O último sinal de localização do motorista havia sido no Residencial Maré Mansa, em Presidente Prudente, onde foram encontrados uma faca, marcas de sangue e o celular da vítima quebrado. O carro da vítima não foi localizado.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password