Polícia Civil indicia falso médico que atendia pacientes por telefone e internet em Rio Preto 

Caso foi denunciado à polícia por uma paciente que desconfiou do atendimento dele. Jaleco, prontuários, estetoscópios, seringas e medicamentos foram encontrados na casa dele.

A Polícia Civil de São José do Rio Preto/SP indiciou Antônio Guilherme Borges Neto por exercício irregular da medicina e falsificação ideológica por atender pacientes pela internet e telefone em cidades da região noroeste paulista. 

De acordo com corporação, ele foi denunciado à polícia em 2017 por uma paciente que desconfiou do atendimento recebido. 

Antônio Neto usava a inscrição do CRM (Conselho Regional de Medicina) de um neurologista de Campinas/SP. 

Na época, ele foi detido depois que a polícia encontrou na casa dele um jaleco, prontuários, estetoscópios, seringas, medicamentos e um notebook. 

Ainda segundo a corporação, imagens de pornografia infantil também foram encontradas no computador dele. Ele também vai responder pelo crime. 

A imprensa não conseguiu entrar em contato com o indiciado. 

FONTE: Informações | G1 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password