Pirarucu de 93 quilos é fisgado no Rio Marinheiro 

O pescador Roberto do Carmo Jesus que já havia fisgado um pirarucu de 90 quilos no último dia 13 de outubro, repetiu a proeza e pescou um ainda maior. 

Nesta quarta-feira (30), o pescador profissional capturou um pirarucu que pesou 93 quilos, nas mesmas águas do Rio Marinheiro, em Cardoso/SP.  

Ao Votunews, a esposa do pescador, Maria Lúcia, contou que venderá a carne do espécime.  

Para aqueles que sonham em pegar um peixão desses, fica a diga, a isca utilizada foi “espadinha”. 

PIRARUCU 

O pirarucu (nome científico: Arapaima gigas) é um dos maiores peixes de águas doces fluviais e lacustres do Brasil. Pode atingir três metros e seu peso pode ir até 200 kg. É um peixe que geralmente é encontrado na bacia Amazônica, mais especificamente nas áreas de várzea, onde as águas são mais calmas. 

Contudo, costuma viver em lagos e rios de águas claras e ligeiramente alcalinas com temperaturas que variam de 24 a 37 °C, não sendo encontrado em zona de fortes correntezas e águas ricas em sedimentos. 

É conhecido também como o bacalhau da Amazônia. Seu nome se originou de dois termos tupis: pirá, “peixe” e urucum, “vermelho”, devido à cor de sua cauda. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página