Nuvem rolo chama atenção na região de Campinas

Tempo mudou rapidamente na manhã desta terça-feira (3).

Uma nuvem rolo, formada em dias de muitas instabilidades, chamou a atenção dos moradores da região de Campinas (SP) na manhã desta terça-feira (3). Imagens e vídeos foram enviados para a EPTV, afiliada da TV Globo. Em Campinas, o céu ficou escuro de repente.

De acordo com a Ana Ávila, pesquisadora do Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura (Cepagri) da Unicamp, a instabilidade desta manhã atuou favoravelmente para formação de nuvens de tempestade como esta. E há ainda o deslocamento de uma frente fria.

Caminho da Nuvem

Moradores enviaram imagens da Rodovia Anhanguera (SP-330), do Distrito de Barão Geraldo, do Jardim do Trevo, da Avenida Prestes Maia e do bairro Nova Europa. Na região, as imagens chegaram de Pedreira (SP) e Hortolândia (SP).

” Eu estou aqui no Taquaral, perto da lagoa, eu trabalho aqui. Estava dentro da loja e vi todo mundo na rua olhando pra cima, todo mundo falando, saí para ver o que tava acontecendo, chamou a atenção. O pessoal que tinha coisa na rua, das lojas, começou a recolher as coisas porque parecia que ia dar uma chuva enorme, tinha um vento gelado, chamou muito a atenção. A velocidade foi muito alta, do jeito que ela veio, ela foi. Não é comum, tanto que a gente até tirou foto”, disse ele.

O advogado Eduardo Aranha estava tomando café no apartamento onde mora, em Campinas, quando viu a nuvem longe. Ao pegar o celular para gravar imagens, a nuvem estava passando rapidamente pelo prédio localizado perto da Lagoa do Taquaral.

“Estava com a Nath (esposa) tomando café na varanda de casa. Eu estava de costas e quando virei tinha essa nuvem sobre a região de Paulínia/Barão Geraldo. Entrei em casa para pegar o celular e quando voltei, ela já estava quase em cima de casa, ali na região do Colégio São José. Impressionante a nuvem… Assim que ela passou por cima de casa começou uma baita ventania. Enquanto esperava ela chegar imaginei que chegaria com chuva, porque de longe parecia chuva, mas era a própria nuvem muito baixa” disse o advogado.

G1

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password