NOTA DE FALECIMENTO: faleceu em Votuporanga, o senhor Segundo Vilalva, aos 100 anos

De tradicional família de Votuporanga, o senhor Segundo era um dos pioneiros da cidade. Residia na rua Itacolomi n° 3700, Vila Marin.
 
Deixa os filhos filhos Eraci Gutierrez, Fernanda Aparecida Goutier de Mendonça, Carmem Maria Goutier, Segundo Aparecido Vilalva e Sueli Goutier Camargo, além de vários netos, bisnetos, tataranetos e um vasto número de amigos de Votuporanga e região.
 
O seu corpo está no Velório Municipal e o sepultamento ocorrerá às 17 horas, desta sexta-feira, no Cemitério Municipal de Votuporanga.
 
HOMENAGEM DA CÂMARA MUNICIPAL:
 
A Câmara Municipal de Votuporanga prestou homenagem ao senhor Segundo Vilalva, em sessão ordinária realizada em agosto de 2018.
 
Durante o pronunciamento do presidente da Casa de Leis – vereador Osmair Ferrari, ele prestou justa homenagem a um dos pioneiros de Votuporanga. O antigo morador Segundo Vilalva – patriarca da família que é tradicional na cidade.
 
A homenagem se deve a passagem do centenário e sua relevante contribuição para o progresso de Votuporanga.
 
O morador Segundo Vilalva Goutier nasceu na cidade de Bebedouro no dia 31 de agosto de 1918 e aos 4 anos de idade foi morar na cidade de Ipiguá-SP onde ficou por 1 ano para depois vir morar em Votuporanga com 5 anos de idade na Fazenda dos Anzai, onde trabalhou na roça e depois como carreteiro por 3 anos.
 
Após essa vida no campo, saiu para trabalhar no comércio local na Dias Martins, onde ficou por 11 anos e depois por 37 anos na empresa Veríssimo como motorista e entregador por toda a região, onde enfrentava as precárias estradas de terra existentes na época carregando sacos pesados de arroz, farinha, açúcar para abastecer os bares e mercadinhos dos vilarejos.
 
Vilalva teve seus seis filhos residindo na Rua Itacolomi, onde vive até os dias atuais, sendo que durante essa trajetória em Votuporanga, cultivou um vasto círculo de amigos, sem contar a amizade profunda com seus sobrinhos, netos, bisnetos e tataranetos.
 
Teve 12 irmãos que faleceram e também foram pessoas de grande índole na cidade, sendo o último irmão que faleceu foi o Senhor Santo Bilalva que tinha uma padaria famosa em nossa cidade. Também ajudou a construir a Igreja Matriz durante os três anos que trabalhou como carreteiro, levando terra para ser realizada essa belíssima obra que hoje é símbolo de Votuporanga.
 
Em razão de sua trajetória de vida, o presidente da Câmara consignou justa homenagem através do voto de congratulação a este munícipe que tanto contribuiu para o progresso que vivenciamos, em especial pela comemoração de seu centenário que ocorreu no dia 31 de agosto de 2018.

0 Comentários

Deixe um Comentário

três × um =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password