Mulher é detida ao tentar entrar em penitenciária de Riolândia com marmita de panquecas recheadas com maconha

Caso foi na penitenciária de Riolândia (SP) no sábado (5). Outras apreensões também foram feitas no noroeste paulista.

Uma mulher foi detida ao tentar entrar na penitenciária de Riolândia (SP) com panquecas recheadas com maconha, no sábado (5).

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), ela entregaria a marmita para um dos detentos durante a visita.

Em vistoria, os agentes penitenciários perceberam que as panquecas estavam recheadas com maconha e apreenderam a marmita. Ela foi levada à delegacia, onde prestou depoimento e foi liberada em seguida.

Também em Riolândia, uma mulher que visitaria a penitenciária foi flagrada por agentes com estimulante sexual, cocaína e maconha escondidos no elástico de cabelo.

Ela foi levada para a delegacia e também foi proibida de fazer visitas aos detentos.

G1

Drogas foram encontradas em elástico de cabelo — Foto: SAP/DivulgaçãoDrogas foram encontradas em elástico de cabelo — Foto: SAP/Divulgação

Drogas foram encontradas em elástico de cabelo — Foto: SAP/Divulgação

Já no domingo (6), foram apreendidos 20 invólucros com maconha que estavam escondidos dentro de panquecas na penitenciária “ASP Paulo Guimarães” de Lavínia (SP).

Os agentes penitenciários perceberam a droga durante revista manual de alimentos.

A Polícia Militar foi acionada e a mulher que levou a marmita foi detida e suspensa do rol de visitas.

No Centro de Detenção Provisória de São José do Rio Preto (SP), uma mulher foi detida ao tentar entrar com uma porção de maconha escondida no decote da blusa que vestia. Ela também foi detida pela PM e proibida de fazer visitação.

0 Comentários

Deixe um Comentário

11 + 2 =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password