Mãe de aluna agride e ameaça menina de 12 anos dentro de escola em Ilha Solteira

Boletim de ocorrência foi registrado como lesão corporal, injúria e ameaça. Polícia abrirá inquérito para investigar.

A Polícia Civil de Ilha Solteira/SP investiga o caso de uma menina de 12 anos que foi agredida pela mãe de uma estudante dentro da Escola Estadual Léa Silva Moraes, na tarde desta quarta-feira (31).

De acordo com a polícia, a agressora de 37 anos alegou que foi até a unidade escolar para conversar com o diretor com o intuito de saber o motivo da filha estar se desentendendo com outra aluna. Enquanto a mãe esperava para ser atendida, ela e a filha encontraram a outra menina no pátio da escola e uma discussão começou. Em seguida, a mulher agrediu a aluna com arranhões, tapas e puxões de cabelo. A briga só terminou quando funcionários interviram.

Ainda segundo a Polícia Civil, a Polícia Militar foi acionada, compareceu na unidade escolar e deu voz de prisão à mulher, que chegou a causar tumulto.

A mãe e a filha foram levadas para a delegacia, onde um boletim de ocorrência foi registrado por lesão corporal, injúria e ameaça. Ambas foram liberadas. Um inquérito deve ser instaurado para o caso ser investigado.

A imprensa entrou em contato com a Secretaria Estadual de Educação e aguarda retorno.

FONTE: Informações | G1

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password