Homem exige atendimento imediato e quebra monitor de UPA

S. J. do Rio Preto – Um pedreiro de 30 anos foi levado para a delegacia por quebrar o monitor de um computador da recepção da UPA Jaguaré, na noite desta terça-feira (14). Ele queria atendimento imediato para o irmão, e alegou ter “perdido a cabeça”.

Um guarda civil municipal, recebeu a informação de que um homem estaria causando tumulto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jaguaré, e teria danificado um monitor de computador que fica na recepção.

O representante da unidade disse que o pedreiro chegou na UPA já alterado e queria atendimento imediato para o irmão. Ainda de acordo com o representante, quando foi pedido o documento, o homem perdeu a cabeça e deu um tapa no monitor do computador, danificando, parcialmente, a moldura.

O representante da UPA não foi à delegacia, alegando que estava sozinho na recepção e sua ausência causaria prejuízos ao bom andamento do serviço.

Foi solicitada perícia para o monitor, mas ele não foi apresentado por estar em uso pela unidade.

Os guardas encontraram o autor nas proximidades da UPA, que confessou o dano alegando que “teria perdido a cabeça”. Ele foi levado para a Central de Flagrantes, mas pela falta de apresentação do monitor danificado e presença de algum funcionário da unidade que presenciou o ocorrido, foi ouvido e liberado.

O caso será investigado pela polícia.Assista ao vídeo:

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password