BRASIL: homem que ficou de fora de bolão de R$ 22 milhões entra na Justiça

Um empresário de Passos (MG) entrou com uma ação na Justiça reivindicando parte do prêmio de R$ 22 milhões do concurso da Quina sorteado no último sábado (16). A aposta de oito números, feita pela internet, acertou sozinha as cinco dezenas do concurso 6243.

O empresário Robson Martins Rodrigues, de 38 anos, alega que participava do grupo de bolões que fez a aposta, mas não entrou no rateio das 40 cotas da aposta premiada, por estar com saldo negativo. Cada membro do grupo deve receber cerca de R$ 500 mil.

A informação foi publicada inicialmente pela Rádio Itatiaia e confirmada pelo g1.

O empresário disse que ficou surpreso e chateado, por ser amigo de longa data do organizador, com quem até já morou e dividiu casa.

“O fato aconteceu mesmo, eu até já procurei a Justiça, mas estou evitando de falar, agora é deixar a Justiça ver o que faz. A gente fica triste porque a pessoa era muito amigo meu, amigo íntimo mesmo, mas Deus sabe o que faz”, disse Robson.

Robson participava há 5 anos do grupo de bolões e disse que sempre foi um apostador assíduo. Ele também disse que fazia depósitos de R$ 300 e R$ 400 para o organizador do bolão. No entanto, estava com saldo devedor de R$ 30 quando o bolão da Quina foi lançado.

O empresário disse ainda que ao ver que o prêmio saiu para o grupo, comemorou com toda família, no entanto, foi informado pelo organizador, que não estava na cota. G1

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página