Adolescente conta para a polícia que foi estuprada pelo padrasto por três anos

Ela contou a polícia que o padrasto ameaçava mantar ela e a mãe com uma faca, caso os estupros fossem contados para alguém. Segundo a mãe da menina, ela teria relatado ainda que sofreu os abusos dos oito aos 11 anos de idade.

A Polícia Civil de Presidente Prudente/SP investiga um caso de estupro em sequência de uma adolescente de 13 anos, que foi registrado nesta sexta-feira (24).

De acordo com boletim de ocorrência, ela teria sido vítima do próprio padrasto.

Segundo a mãe da menina, ela relatou que a filha sofreu os abusos dos oito aos 11 anos de idade. A adolescente disse que o padrasto a ameaça com uma faca e dizia que se contasse para alguém, iria matar a mãe e ela. A faca sempre era amolada na frente da vítima.

Ainda segundo a ocorrência, os supostos abusos geralmente aconteciam durante a noite, porque a mãe trabalhava em um restaurante e chegava tarde.

A menina disse ainda que, depois que teve coragem de recusar os estupros, passou a apanhar quase todos os dias do padrasto.

A polícia encontrou o homem trabalhando em uma obra, ele foi levado até a delegacia, ouvido e liberado. Uma faca foi apreendida.

A menor foi encaminhada para o IML (Instituto Médico Legal) e a Justiça concedeu uma medida protetiva para a vítima.

O caso continua em investigações pela delegacia da mulher.

FONTE: Informações | sbtinterior.com

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password