Votuporanguense é absolvida de confusão

O Clube Atlético Votuporanguense (CAV) foi absolvido do incidente em Limeira, no vestiário do estádio municipal Comendador Agostinho Prada. O Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Paulista de Futebol (FPF) analisou ontem a confusão no vestiário, quando o elenco da Alvinegra teria lançado uma quantidade de pó químico na torcida do Independente.

 

Caso fosse punido, Votuporanguense poderia perder mandos de campo. A Pantera terá, no entanto, de desembolsar R$ 700 e o Independente, R$ 600.

 
A diretoria entrou com recurso no caso do zagueiro Paulo Henrique, que foi expulso no dia quatro, por conta de uma entrada em cima do Caihame, do Atlético Sorocaba, na casa do adversário.

 
Depois do empate sem gols em casa, contra o líder Atlético Sorocaba, o CAV está focado em garantir a classificação no próximo confronto, contra o Independente, amanhã, às 20h. O duelo será também no estádio Plínio Marin e uma vitória carimba o passaporte da Alvinegra para a terceira fase da Copa Paulista.

 
Estão suspensos para a partida o atacante Anderson Cavalo, que estava com três cartões amarelos e Romário, que ainda precisa cumprir dois jogos de suspensão. Pendurados com dois cartões amarelos estão Cairo, Jordã, Paulinho e Victor Palito. Entretanto, o volante Vitor Hugo volta depois de cumprir suspensão automática.

 
O jogo de domingo
O primeiro período foi movimentado. Aos quatro minutos, o lateral direito Baía cruzou e, por pouco, o atacante Canga não mandou para as redes para os visitantes.

 
Aos 23 minutos, o CAV chegou perto de marcar com o meia Álvaro. Ele tinha boas condições de arremate, mas errou. Novas investidas da Alvinegra aos 31 e aos 32 minutos, essa última com Adilson Bahia pela esquerda, que chutou forte cruzado raspando a meta de Adinam. Na segunda etapa, Votuporanguense forçou mais o ataque. Aos três, Victor Palito, que entrou no intervalo, deixou o atacante Léo na cara do goleiro Adinam. O arremate acabou saindo pela linha de fundo.

 
O CAV voltou a ter nova chance aos 14 minutos. Em jogada do atacante Adilson Bahia e de Palito, este último acertou um chute forte no travessão de Adinam. Apesar de criar inúmeras chances, Alvinegra acabou parando nas boas intervenções de Adinam.

Andressa Aoki
andressa.aoki@diariodaregiao.com.br

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password