Votuporanguense aprova aumento de datas do Paulista série A2 2019

Único representante da região no Campeonato Paulista da Série A-2, o Votuporanguense comemorou o aumento de datas e assim a inclusão de mais uma fase de mata-mata na disputa de 2019. Após duelos em turno único, na primeira fase, os oito melhores avançam às quartas de final do torneio. “Nós, por votação, escolhemos que fosse dese jeito a modalidade, acreditamos que será melhor ter mais jogos e equipes classificadas”, disse o presidente Marcelo Stringari.

Um dos fatores que pesaram na mudança foi o fato de não ter clubes na divisão que jogam as Séries A e B do Brasileirão. Assim, foram incluídas mais três datas. Sem equipes com calendário nacional, as chances de acesso do CAV também aumentam na visão do dirigente. “Como tinham cotas do Brasileiro, os clubes tinham até o triplo do poder financeiro do Votuporanguense”, disse Stringari com relação as participações de Guarani e Oeste neste ano.

Neste ano, apenas quatro clubes se classificavam às semifinais e a decisão foi em jogo único. O CAV, dirigido pelo técnico Rafael Guanaes, foi o oitavo colocado.

A fase de mata-mata, com jogos de ida e volta, vai até a final, prevista para dia 1º de maio, quando será definido o campeão e o segundo clube com vaga no Paulistão de 2020. O campeão terá ainda uma premiação de R$ 280 mil. O vice embolsa R$ 200 mil. Os confrontos serão de acordo com a classificação, primeiro contra oitavo e assim sucessivamente. Não haverá vantagem e se houver igualdade ao final dos dois jogos as vagas serão definidas por penalidades.

Cada clube ainda terá uma cota de repasse da TV. O Diário apurou que a equipe de Votuporanga receberá em torno de R$ 650 mil brutos, divididos em quatro parcelas. “Teve um reajuste em relação ao ano passado, mas ainda é longe do que a gente gasta. Temos de investir muito dinheiro ainda e por isso a gente corre atrás de apoiadores”, disse Stringari.

Campeão e vice do Paulistão A-3, Atibaia e Portuguesa Santista, entraram no A-2, assim como Linense e Santo André, rebaixados da elite. Os outros participantes, além do CAV, são: São Bernardo, XV de Piracicaba, Nacional, Sertãozinho, Taubaté, Penapolense, Rio Claro, Inter de Limeira, Portuguesa, Água Santa e Juventus.

Assim como na elite, a bola S11 Ecoknit, confeccionada com garrafas PET recicladas, foi apresentada como bola oficial do A-2. Cada bola produzida pela Penalty retira do meio ambiente quatro garrafas pets e meia.

Nesta quinta-feira, 25, às 10h30, será a vez de Rio Preto, Olímpia e Monte Azul participarem da reunião que define as diretrizes do Paulista A-3 de 2019.

0 Comentários

Deixe um Comentário

16 + 14 =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password