Votuporanga tem queda de emprego no mês de maio

País também registra saldo negativo, porém cidades da região como Rio Preto tiveram crescimento nas contratações

Votuporanga registrou 15 demissões no ramo da Construção Civil em maio, o que representa 0,92% na comparação com abril. Com esta queda, agora são 1.618 trabalhadores no setor.

O município segue o nível da construção no Brasil, que registrou queda de 1,14% na comparação com abril. O saldo entre demissões e contratações ficou negativo em 36,7 mil trabalhadores com carteira assinada, de acordo com pesquisa elaborada pelo SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo) em parceria com a FGV (Fundação Getúlio Vargas).

Essa é a oitava retração mensal consecutiva. Nos primeiros cinco meses do ano, o saldo negativo chega a 126,9 mil vagas, queda de 3,83% em relação a dezembro.

Em geral, na região de São José do Rio Preto o cenário permanece diferente do nacional. Pelo quarto mês consecutivo a região está abrindo novas vagas na construção civil. O mês de maio teve um saldo positivo de 15 novos postos de trabalho, representando um leve aumento de 0,05% em relação ao mês anterior.

O município de Rio Preto teve 391 novos postos de trabalho em maio representando aumento de 3,2% em relação ao mês anterior. O total de pessoas formalmente empregadas no setor chega a 12.566.

Em Catanduva o quadro é inverso. Maio teve o fechamento de 3 vagas e é o quarto mês consecutivo de queda no emprego com redução de 0,18% em relação a abril. A cidade emprega atualmente 1.538 pessoas no setor.

Fernandópolis também apresenta baixos índices no emprego, demitiu 31 trabalhadores, queda de 3,02% em relação a abril, ficando com 995 empregados formalmente registrados.

Estado de São Paulo

Em maio, o nível de emprego no estado de São Paulo registrou queda de 1,23% em relação a abril, com o saldo entre contratações e demissões negativo em 10.284 trabalhadores. Nos primeiros cinco meses do ano, o indicador apresenta saldo negativo de 12.024 vagas, com retração de 1,43% em relação a dezembro. Com isso, ao final de maio o número de trabalhadores do setor empregados no estado totalizava 826,8 milhões.

Entre as 10 regiões pesquisa-das no estado de São Paulo, apenas São José do Rio Preto apresentou resultado positivo no período, com 15 contratações. A pior queda foi verificada em Presidente Prudente (-3,57%) e Santo André (-2,89).

Isabela Jardinetti

isabela@acidadevotuporanga.com.br

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password