Votuporanga recebe prêmio Comunidade Negra 2019 

Município ficou entre os 10 premiados que promoveram ações de enfrentamento ao racismo ou de implantação de políticas de Promoção da Igualdade Racial. 

A Prefeitura de Votuporanga, por meio do Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra vinculado à Secretaria de Direitos Humanos, recebeu o prêmio “Comunidade Negra 2019”, no último sábado (23), em São Paulo. O Município ficou entre os 10 premiados que promoveram ações de enfrentamento ao racismo ou de implantação de políticas de Promoção da Igualdade Racial. 

O prêmio foi entregue em celebração ao Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial, comemorado em 21 de março, e foi realizado no Auditório do Espaço da Cidadania “André Franco Montoro”, na sede da Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo. 

“Ficamos entre as 10 cidades do Estado de São Paulo que prestaram os melhores serviços em 2018 através do Conselho, que realizou vários eventos voltados para a nossa história e nossas origens. O nosso trabalho é contínuo, trabalhamos em várias ações para que a memória do negro não seja esquecida”, afirmou o Secretário Municipal de Direitos Humanos, Gilvan dos Santos. 

Durante o evento, foram apresentadas as ações promovidas em Votuporanga em novembro do ano passado, durante a Semana da Consciência Negra, que renderam a premiação. A Secretária do Conselho, Maria Madalena Moreira, afirmou que “em vários momentos da apresentação, fomos interrompidos por aplausos, porque todos ficaram felizes com as ações desenvolvidas em Votuporanga. Fomos o 8º Município a receber o prêmio e apresentamos muitas ações. Voltamos felizes e com a certeza de que estamos no caminho certo e trabalhando com profissionalismo e dedicação, contando com o apoio e empenho do Prefeito João Dado”. 

Ações 

Para marcar o Dia da Consciência Negra, lembrado em 20 de novembro, a Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra promoveu uma série de ações entre os dias 5 e 25 de novembro de 2018. 

Entre as atividades oferecidas estiveram a Campanha de Prevenção à Anemia Falciforme, com parceria da Secretaria da Saúde e Unifev; elaboração do projeto do totem em homenagem à comunidade negra; apresentações culturais, rodas de capoeira, evento especial com plantio de uma muda de Baobá – árvore milenar símbolo da cultura africana; palestra com o Presidente do Conselho Estadual, Ivan Renato de Lima; e a denominação da Praça Abolicionista Luiz Gama, no Parque Residencial Figueira, e da Avenida Zumbi dos Palmares, no Loteamento Jardim Vivendas. 

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mimPerdeu sua senha?

    Lost Password