Vítimas de facadas seguem internadas na Santa Casa

As três pessoas da mesma família, vítimas de um crime covarde na noite de ontem (3), no bairro CDHU em Votuporanga, seguem internadas na Santa Casa de Votuporanga. Todas elas, um homem, uma mulher e uma adolescente de apenas 12 anos, passaram ou estão sendo submetidas neste momento à procedimentos cirúrgicos.

Segundo boletim informativo divulgado pela assessoria de comunicação do hospital, às 10h52, Alcides Ferreira dos Santos, de 37 anos, deu entrada no Pronto Socorro da Santa Casa às 21h46, vítima de ferimento por arma branca na região abdominal. O paciente está internado, passou por cirurgia e seu estado de saúde é estável, porém, delicado.

Silvana F. da Cunha de 34 anos, deu entrada às 21h34, vítima de ferimento por arma branca, na região do pescoço. A paciente está internada, passou por cirurgia e seu estado de saúde é estável. Já adolescente T.C.F.S., de 12 anos, também deu entrada no Pronto Socorro  às 21h44, vítima de ferimento por arma branca, em uma das mãos. A paciente está internada e neste exato momento está em cirurgia.

 

“Neguinho”

O único suspeito do crime, identificado como Rafael Douglas Braz da Silva, 26 anos, conhecido por “Neguinho”, deu entrada na UPA – Unidade de Pronto Atendimento, às 21h32min, com escoriações e inconsciente. Após o    atendimento, o paciente recebeu alta e recebeu voz de prisão pela Polícia Militar.

 

O crime

Três pessoas foram esfaqueadas e o acusado também se feriu gravemente ao tentar fugir do local do crime e cair do telhado de sua própria residência. O crime aconteceu por volta das 21 horas, na rua João Singolani, nº 2466 – bairro residencial CDHU- logo atrás do Ginásio “Mário Covas”. O local do crime foi preservado para a perícia da Polícia Científica.

De acordo com informações preliminares, o autor teria problemas com os vizinhos por causa do uso de entorpecentes e, nesta noite, alterado pelo uso de drogas, foi até a casa do vizinho e atacou suas vítimas com uma faca. As vítimas são marido, mulher e a filha do casal, uma adolescente de 14 anos de idade.

As viaturas do SAMU – incluindo  a USA (Unidade de Suporte Avançado), a unidade de resgate do Corpo de Bombeiros imediatamente chegaram ao local para socorrer as quatro vítimas, incluindo o acusado. Segundo a Polícia Militar, ao tentar fugir do local do crime, o autor pulou o muro do vizinho e subiu no telhado de sua própria residência. Mas a cobertura não suportou o peso e o acusado caiu, ferindo-se gravemente. Ele foi preso pela PM dentro de sua própria casa. Mais informações em instantes.

(foto: Alex Pelicer A Cidade)

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password