Verônica Ferriani: promessa da música brasileira

Cantora apresenta o álbum Boca Fala Aquilo do que o Coração tá Cheio, às 17h, neste sábado na Concha Acústica

Na Virada Cultural que acontece neste final de semana em Votuporanga, o público poderá conferir talentos da música brasileira. Uma destes artistas em ascensão é a ribeirão-pretana Verônica Ferriani, que faz show neste sábado (30), às 17 horas, na Concha Acústica.

Verônica estreou como cantora em 2004, a convite do compositor e violonista Chico Saraiva. Em poucos anos de estrada, já dividiu palco com Beth Carvalho, Ivan Lins, Mart’nália, Spokfrevo Orquestra, Jair Rodrigues, Francis Hime, Martinho da Vila, Tom Zé, Élton Medeiros, Moacyr Luz, Moska, Oswaldinho da Cuíca, Maria Alcina, Criolo e Zé Renato, entre outros. Em 2011, excursionou em turnê voz e violão com Toquinho. Integrou a Gafieira São Paulo, vencedora do 22º Prêmio da Música Brasileira como melhor grupo de samba, em 2011.

Em 2012 foi convidada para participar do Projeto Novas Vozes do Brasil, promovido pelo Itamaraty, e se apresentou em países como Colômbia, Portugal, Espanha, Rússia e Japão.

Para a apresentação em Votuporanga, Verônica mostrará o segundo álbum, Porque a Boca Fala Aquilo do Que o Coração Tá Cheio (2013). “Estamos entrando no segundo ano de turnê deste show, mais afiados do que nunca. É bonito ir sentindo o show crescer e ficar ainda mais vibrante. Esse disco fala de amor sob uma visão feminina século XXI, menos platônica, mas, ainda assim, passional e intensa. É um disco sincero em que conto sobre alguns dos vários papeis que uma mesma pessoa passa ao longo de sua vida amorosa. O palco é meu lugar preferido na Terra, então convido todos pra dançarem e se divertirem com a gente em Votuporanga!”, disse.

A cantora ressalta sua relação com o interior de São Paulo. “Apesar de morar em São Paulo há muitos anos, sou natural de Ribeirão Preto e sei o quanto o público do interior de SP é caloroso e interessado pela música brasileira”, afirmou.

Ela destaca a importância de participar da Virada Cultural. “É um dos eventos culturais mais esperados do ano. Certamente, também dos mais democráticos, tanto pelo acesso gratuito, quanto pela seleção abrangente de artistas de diversos gêneros e sotaques. A circulação por cidades e regiões diferentes é outra beleza do projeto, de interesse tanto aos artistas quanto ao público, pela possibilidade de conhecerem novos sons nesse contato com o show ao vivo. Por tudo isso, fazer parte dessa programação pra mim é sempre também um dos momentos mais desejados do ano”, finalizou.

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password