Tribunal condena agressores de Tonny a 12 e 18 anos

Depois de quase doze horas de julgamento, o tribunal do júri da Comarca de Votuporanga condenou os réus Flávio Malavazzi e Marcelo dos Santos, pela tentativa de homicídio contra o jovem Tonny Pires Custódio.

Marcelo, que teve como defensor o advogado criminalista Marcus Gianezi, foi condenado a 12 anos e oito meses de prisão, enquanto Flávio, defendido por Douglas Fontes, pegou pena maior, de 18 anos.

O julgamento entra para a história da Comarca de Votuporanga por sua complexidade e pela grande comoção popular. Por horas, defesa e acusação debateram suas teses. Ao final, o conselho de sentença, formado por sete jurados, definiu pela condenação dos réus.

A acusação foi representada pelos promotores Eduardo Boiati e José Vieira da Costa Neto. Um dos momentos mais emocionantes foi o depoimento da vítima, Tonny.

Ele afirmou ao juiz Jorge Canil que perdoa seus agressores, que ainda convive com sequelas e que pretende trabalhar o resto da vida em função de ajudar o próximo, e levar a palavra de Deus. (Reportagem e foto: Jociano Garofolo -Votunews)

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password