Dezesseis bombeiros se formam para agir em afogamentos

Dezesseis bombeiros de várias cidades da região se formaram nesta sexta-feira no curso de busca e salvamento de afogados, que teve Votuporanga como base de operação.

 

O curso é importante, já que apenas em 2013, 35 pessoas morreram afogadas na região. Uma grande bandeira do Brasil surgiu das águas da piscina do Votuporanga Clube. Foi com essa imagem que se encerrou o treinamento. O evento contou com a participação dos familiares, da imprensa, e lideranças dos bombeiros de São José do Rio Preto, Fernandópolis e Catanduva.

 

Durante o treinamento, os bombeiros realizaram provas em várias cidades da região, como Cardoso e Rubinéia. Durante a cerimônia, eles receberam os certificados de conclusão e os três melhores, receberam premiações especiais das mão do sub-comandante do 13º grupamento, de Rio Preto, major Ricardo Salem.

 

Sob a coordenação do tenente Brito e capitão Neves, 16 bombeiros foram capacitados, sendo 12 da região, um de Guarujá, um de Presidente Prudente, um de Campinas e um de Ribeirão Preto.

 

O curso de treinamento teve duas fases. Na primeira, os bombeiros foram treinados em circuitos fechados como piscinas e tanques, em que estiveram sendo supervisionados. O treinamento em circuito fechado foi realizado em uma piscina no Votuporanga Clube.

 

O quartel do Corpo de Bombeiros do município está em processo de obra, mas a maior parte do treinamento foi realizada no tanque recém-criado do quartel. (Imagem: Tv Unifev) – votunews

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password