Transtornos na Péricles Belini terminam em fevereiro

Buracos nos desvios, pessoas passando no meio das obras, poeira, isso é o um pouco do muita gente precisa conviver ao passar pela Péricles Belini, que recebe a obra de duplicação.

 

As marginais em más condições também estão entre as reclamações.

 

A Secretaria Estadual de Logística e Transporte explicou que os transtornos resultarão em benefício à população e os trabalhos devem terminar em fevereiro de 2014.

 

 

De acordo com a Secretaria Estadual de Logística e Transporte, as marginais da SP-461 não constam do projeto de duplicação da SP-320 (Euclides da Cunha), que tem como complemento as melhorias na Péricles.
O DER (Departamento Estadual de Estradas de Rodagem) diz que a implantação de marginais é de responsabilidade da Prefeitura, porém, mesmo assim, estudará a colocação deste benefício.
Com relação à poeira e dificuldades no acesso, a Secretaria Estadual disse que “as obras têm o objetivo promover melhora no tráfego da região, consequentemente, beneficiando a população.
Desta forma, pedimos a compreensão dos usuários quanto à realização dos serviços”, falou em nota.
Até o momento, 90% da obra já foi concluída, com previsão de término em fevereiro do ano que vem, fato que traz um pouco de alívio para a população.
Além da duplicação da pista, o governo do Estado faz também diversas melhorias no local, como investimento no sistema de drenagem, entre outros.
O vereador Sílvio Carvalho, líder do prefeito Junior Marão na Câmara Municipal, contou que, segundo do governador Geraldo Alckmin, quando esteve na cidade para entregar as casas do CDHU, da Onofre de Paula até a estrada Vitório Albarelo terá um viaduto e as marginais ligando da Onofre de Paula até a Vitório Albarelo. “A transposição do córrego para chegar na parte de cima não vai acontecer, porque tem um pontilhão perto do Frango Rico e, próximo à linha do trem de ferro terá uma outra passagem”, destacou. 
De acordo com a Prefeitura, a duplicação contará ainda com a construção de três dispositivos: um viaduto que ligará a avenida das Nações ao 2º Distrito Industrial (km 126); um trevo que ligará o bairro Chácara das Paineiras (Rua Vitório Albarello) à estrada vicinal “Nelson Bolotário”, conhecida como “Subida da Morte“ (KM 125); e mais um trevo, na ligação da avenida Onofre de Paula ao Residencial Noroeste, localizado no quilômetro 124.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password