Transporte Cidadão: mais de um milhão de pessoas utilizam o serviço em um ano

Há um ano, o transporte era operado por meio de quatro linhas urbanas e mais uma em Simonsen; hoje a cidade conta com a atuação de dez linhas

Quem utiliza o serviço de transporte coletivo em Votuporanga já notou a melhora na qualidade do serviço com as medidas implantadas no último ano. Em setembro de 2013 a nova frota de ônibus do Transporte Cidadão operado pela empresa Itamarati foi colocada nas ruas oferecendo mais conforto e agilidade aos usuários. “O conforto e a segurança estão 100% melhores e tudo veio em uma boa hora, já que a situação estava muito difícil”, foi o que disseram as votuporanguenses que utilizam o serviço, Francisca Inês e Marilda Godoi, enquanto aguardavam a chegada do ônibus no Terminal Central Urbano.

Há um ano, o transporte era operado por meio de quatro linhas urbanas e mais uma em Simonsen. Hoje a cidade conta com a atuação de nove linhas urbanas e outra em Simonsen, o que reflete a aprovação conquistada pelo serviço devido ao aumento no público que utiliza o transporte.

Relatório elaborado pela Secretaria de Trânsito, Transporte e Segurança da Prefeitura de Votuporanga em conjunto com a empresa concessionária, aponta que cerca de um milhão de pessoas circularam pela cidade com a nova frota da Itamarati, entre elas, mais de 597 mil utilizaram o cartão Transporte Cidadão, que concede o desconto subsidiado pela Prefeitura.

“Percebemos a aprovação geral da população pela queda no número de reclamações e pelo aumento expressivo no número de usuários”, afirmou o secretário Antonio Alberto Casali.

Transporte Cidadão

Implantado em maio de 2011, o programa tinha como principal meta incentivar o uso do transporte coletivo na cidade, e prova que vem cumprindo com este objetivo. Entre as mudanças implantadas consta o subsídio de R$ 1 que a Prefeitura paga por passageiro, cujo controle é feito por sistema de bilhetagem eletrônica, através do cartão Transporte Cidadão. É um subsídio para o cidadão que com a redução de seus gastos com transporte para o trabalho traz economia importante, aumentando o seu poder de compra e de investimento.

O cartão funciona pelo sistema de recarga, portanto, o cidadão compra o valor desejado e terá direito a quantidade de passes equivalente. Quem não fizer o cartão poderá utilizar o transporte coletivo normalmente, porém, não terá direito ao benefício e pagará R$2,50, ao invés de R$ 1,50.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password