Trabalhador que teve corpo incendiado morre em hospital

Gileno teve o corpo incendiado quando fazia serviço de limpeza em um caminhão

O funcionário de uma indústria que teve aproximadamente 50% do corpo queimado após um acidente de trabalho faleceu na noite desta quinta-feira, em um hospital especializado para queimados de Ribeirão Preto. Ele foi transferido para Ribeirão Preto logo após o acidente de trabalho, mas não resistiu aos graves ferimentos causados pela queimadura e veio a falecer na noite desta quinta-feira.

 

Gileno José dos Santos, de 46 anos, sofreu queimaduras de segundo e terceiro grau. A vítima teve o corpo incendiado quando fazia serviço de limpeza em um caminhão.

 

De maneira inesperada, houve o incêndio, que teria atingido um galão de solvente (thinner). As chamas teriam atingido o corpo do funcionário. Companheiros agiram rapidamente para apagar o fogo, principalmente no rosto.

Extintores foram usados para combater as chamas. Gileno recebeu os primeiros-socorros ainda na viatura, e levado em seguida em estado grave para o Pronto Socorro da Santa Casa de Votuporanga.

O seu corpo deve chegar ao Velório Municipal de Votuporanga às 14h30, e deverá ser sepultado neste sábado, no Cemitério Municipal de Votuporanga.

votunews

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password