Tecnológico, Bacharelado ou Licenciatura: veja qual formação combina mais com o seu objetivo profissional

Docentes falam sobre opções que têm relação com o perfil e os objetivos dos alunos; atualmente, a UNIFEV oferece 8 cursos Tecnológicos, 24 de Bacharelado e 8 de Licenciatura

Ao final do Ensino Médio, muitos estudantes ficam em dúvida sobre o caminho que desejam seguir. Como se não bastassem as dezenas de cursos superiores ofertados, o aluno ainda precisa escolher qual tipo de formação combina mais com o seu perfil e o seu objetivo profissional.

A UNIFEV que, recentemente, conquistou a 3ª posição entre os melhores Centros Universitários do Brasil, oferece as três modalidades de graduação no Ensino Superior: Tecnológicos (8 cursos), Bacharelado (24 cursos) e Licenciatura (8 cursos).

O Bacharelado é a formação superior tradicional, considerada a mais difusa, ou seja, aquela que estuda um pouco sobre tudo dentro da área escolhida, que prepara o universitário para a atuação em diferentes campos. A duração varia entre 4 e 6 anos. “O aluno que escolhe esse caminho lida, diariamente, com inúmeras ações dentro do mundo acadêmico. São atividades que envolvem não somente a teoria, mas todo o lado prático da profissão”, afirmou a coordenadora do curso de Ciências Contábeis da UNIFEV, Profa. Esp. Lilian Beraldo Sanches Rodrigues.

Para o coordenador da graduação tecnológica em Produção Multimídia do Centro Universitário de Votuporanga, Prof. Me. André Teruya Eichemberg, a área se difere das demais por permitir uma rápida inserção no mercado. “Com o diploma em mãos após dois ou três anos de estudo, o universitário já consegue encontrar a vaga que deseja. O diferencial do ensino está no aprendizado mais focado na prática e, também, na conquista de uma certificação parcial, ou seja, uma declaração acadêmica por módulo concluído”.

Outro âmbito do universo educacional é a Licenciatura. Nesta categoria, é permitido aos licenciados o exercício do magistério, ou seja, os formados podem lecionar na área em que se graduaram, tanto para o Ensino Fundamental, como para o Médio.

“Essa prática não deve ser confundida com sacerdócio para que não se sabote a condição profissional do professor/educador. Mais que um vocacionado, o profissional docente é dotado de conhecimentos e estratégias para desenvolver o trabalho de ensinar. A sociedade carece de profissionais que, com senso crítico, compromisso e competência, se empenhem em fomentar e implantar, no meio educacional, uma formação pedagógica, cultural e ética da qual tanto se fala e pela qual pouco se atua de forma prática e cabal”, ressaltou o coordenador do curso de Letras, Prof. Esp. Paulo Rogério Ferrarezi.

Diante das dúvidas com a escolha, a recomendação, conforme a coordenadora do curso de Psicologia do Centro Universitário de Votuporanga, Profa. Ma. Raquel Martins Sartori, é levar em consideração as habilidades e preferências pessoais.

“O candidato deve analisar quais atividades ele gosta de realizar, assim como o que cada profissão faz especificamente, avaliando de forma crítica e sincera, quais competências ele apresenta para realizar tal atividade profissional”, finalizou.

 

VESTIBULAR

O vestibular para os cursos Tecnológicos, de Bacharelado e de Licenciatura da UNIFEV acontece no próximo dia 24 de janeiro, às 14 horas, na Cidade Universitária.

Informações pelo site ( www.unifev.edu.br) ou pelo telefone: 0800 015 0228.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password