Tamanduás procriam no Bosque Municipal

Um filhote de tamanduá-bandeira nasceu neste fim de semana no zoológico de Rio Preto. É a segunda cria do casal, os únicos dois animais nascidos no local que correm risco de extinção. O filhote é um macho, tem 54 centímetros de comprimento e não desgruda das costas dos pais.

Encontrado desde a América Central até a América do Sul, o tamanduá-bandeira tem perdido espaço na natureza com a diminuição das áreas de Cerrado, seu habitat, por isso a importância da reprodução em cativeiro. O filhote nasceu no último domingo e já pode ser visitado no bosque.

É o 78º nascimento de animais no zoológico de Rio Preto nos últimos 15 anos. O maior índice de nascimento está entre os mangustos, jacarés-do-papo-amarelo e pavões. No total, o espaço abriga 451 animais de 120 espécies. “Esses nascimentos são bom sinal de que estamos conseguindo reproduzir o habitat e a alimentação adequada desses animais”, afirmou o veterinário Bernard Von Shimonsky, responsável pelo zoológico.

Alimentação

Segundo o veterinário, atualmente os zoológicos estão mais preparados quanto à alimentação desses mamíferos, o que favorece a procriação em cativeiro. Em Rio Preto, os tamanduás são alimentados com uma papa feita de ração para cachorro, leite, ovo cozido, banana, mamão e carne moída.

“É um animal de hábitos solitários. Quando estão soltos, eles procriam e já se separam. Ontem (anteontem) mesmo fomos conferir no recinto, o filhote estava nas costas do pai quando na verdade deveria estar com a mãe para poder mamar. Vamos ter de separá-los”, explica o veterinário Shimonsky.

 

onca_jaguatiricaOnça é contida em jaula e solta numa mata de Santa Fé

Onça assusta dona de casa

Imagine você acordar com os latidos de seu cachorro, abrir a porta da sala e dar de cara com uma onça-parda (sussuarana). Foi isso que aconteceu com a dona de casa Tamires Silva Cezalli, 19 anos, às 3 horas de ontem, em Santa Fé do Sul. “Até agora não caiu a ficha. Abri a porta para ver o que era e esbarrei na onça. A sorte que ela estava de costas para a porta e deu tempo de voltar e trancar a porta”, disse Tamires.
A dona de casa afirma que o felino estava sentado no quintal da casa dela, observando por um portão seu cachorro que latia muito. “Acho que se sentia acuada porque estava quietinha. Para entrar, ela deve ter pulado o muro, que tem dois metros de altura”, afirmou. Logo após avistar o animal e se recuperar do susto, ela acionou o Corpo de Bombeiros. De acordo com os bombeiros, a onça aparenta ter de 3 a 4 anos e é de grande porte.
A Polícia Ambiental informou que o felino não tinha ferimentos e, por isso, não precisou passar por atendimento veterinário. Ele foi solto no final da tarde de ontem em uma mata entre Santa Fé do Sul e Nova Canaã Paulista. “Aumentaram as ligações de pessoas que avistam esses animais na área urbana ou que encontram pegadas. Isso tudo é porque tem diminuído a vegetação que oferece abrigo e alimentação”, explica o soldado Elcio Caparroz, da Polícia Ambiental de Santa Fé do Sul.

 

bombeiroresgata_passaroBombeiro em ação no equipamento, livrando a ave do fio em que estava enroscada

Ave presa em linha é socorrida por bombeiros

A população de Catanduva que estava na praça da República, na tarde de ontem, parou para ver o resgate de uma rolinha. A ave ficou enroscada em uma linha e mobilizou três homens do Corpo de Bombeiros da cidade, além de uma viatura.

O som emitido pela ave chamou a atenção das pessoas que passavam pela praça, por isso um dos munícipes acionou os bombeiros. Os resgate durou cerca de 20 minutos e para isso os bombeiros precisaram utilizar uma viatura de resgate aéreo da corporação para chegar ao topo da árvore, que tem cerca de 15 metros de altura.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a pomba apresentava lesões e foi encaminhada à Polícia Ambiental. A ave passará por avaliação veterinária e ficará aos cuidados dos policiais, até estar em condições de ser solta “Nós, dos Corpo de Bombeiros, não medimos esforços para salvar uma vida. É um local de difícil acesso, e a ave estava enroscada e pendurada em uma linha, mas conseguimos tirála a tempo”, disse cabo Wanderlei Araújo.

A ação dos bombeiros foi elogiada pelo público presente e também nas redes sociais. “Isso aí, parabéns, salvando vidas, seja ela qual for”, comentou a internauta Simone Piobelli. “Bombeiros são o que há de melhor na Polícia. Palma de Ouro”, disse Francisco Otávio de Jorge. “Gesto lindo! Parabéns”, afirmou Josiane Romão Zupiroli, em matéria publicada na página do Diário da Região no Facebook.

Elton Rodrigues e Tatiana Pires diarioweb.com

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password