SETEMBRO AMARELO: SUICÍDIO – EXISTE PREVENÇÃO: Por Ludymilla Araki

SETEMBRO AMARELO é a maior campanha de prevenção ao suicídio do mundo, uma campanha que SALVA VIDAS. A Médica especialista em Psiquiatria, Dra. Ludymilla Araki, traz informações sobre o tema neste artigo:

Segundo estudo realizado pela UNICAMP, 17% dos brasileiros, em algum momento, pensaram em dar fim à própria vida. Desses, 4,8% chegaram a planejar o ato. A cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio no mundo. A cada 3 segundos uma pessoa atenta contra a própria vida em algum lugar do mundo. São dados alarmantes e preocupantes!!

É preciso conscientização e conhecimento por parte da população, pois em muitos casos é possível evitar que esses pensamentos suicidas se tornem realidade. Cerca de 96,8% dos suicídios são resultados de transtornos mentais, em sua grande parte não tratados ou tratados de forma incorreta.

A maioria dos suicídios é precedido por sinais discretos de comportamento ou verbais, 90% de quem tenta, AVISA ANTES. Esteja atento se amigos ou familiares próximos em algum momento mostrarem sintomas, como: tristeza, desinteresse por coisas que antes lhe davam prazer, alterações do apetite, isolamento social e irritabilidade que são algumas alterações frequentes no indivíduo que apresenta ideias suicidas. Frases como: “Não vejo sentido em nada”; “A vida não têm mais graça”, “Não presto para nada” e inúmeras outras, são consideradas alarmes verbais e servem como sinal de que pode estar necessitando de ajuda profissional.

O ato é realizado no propósito de reduzir o sofrimento que sente. É a saída que o indivíduo encontra para seus problemas. É visto como sua última fuga, um ato de desespero, de quem já não percebe alternativas para lidar com a dor.

Mas você deve estar se perguntando: “como posso ajudar essa pessoa?”. Ao identificar esses sinais e sintomas, é importante mostrar empatia e buscar uma conversa aberta e sincera, sem julgamentos. Os suicidas estão passando por uma doença mental que altera a sua percepção de realidade.
Ofereça ajuda, evite deixá-los sozinhos e procure um profissional da área da saúde mental para iniciar um tratamento urgente. Conversar, é sempre a melhor opção.

Dra. Ludymilla Araki (CRM-SP: 163696)
Rua Minas Gerais, 3875. Votuporanga –SP.
Whats app: (17) 98145-4261
Tel fixo: (17) 3046-8414
Site: www.draludymillaaraki.com.br
Instagram: @dra.ludymillaaraki

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password