Sepultado o corpo de rapaz que morreu ao apartar briga

Foi sepultado às 9 horas, deste domingo, no Cemitério Parque Jardim das Flores, em Votuporanga, o operador de máquina, Carlos Rodrigues da Silva Junior, 31 anos, que morreu na madrugada de sábado, dia 9, após levar um tiro no peito em um posto de combustível na avenida João Gonçalves Leite, em Votuporanga.

Segundo o cunhado dele, Ronei Barbosa, 28 anos, Carlos foi morto quando tentava apartar uma briga. “O Carlos era uma pessoa de paz e não gostava que ninguém brigasse. Era postura dele fazer com que as pessoas resolvessem as coisas pelo diálogo. Infelizmente, morreu e deixa dois filhos pequenos”, lamenta.

O homem que disparou o tiro fugiu do posto de combustível em um carro e ainda não foi encontrado pela polícia. Segundo informações, o autor do disparo teria saído do sistema prisional do Estado recentemente.

O caso será apurado pela equipe da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Votuporanga.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password