Secretaria Municipal de Direitos Humanos realiza ação solidária com assistidos

Secretário Emerson Pereira visitou várias famílias que foram atendidas pela pasta no decorrer deste ano e entregou alimentos  não perecíveis

A Secretaria Municipal de Direitos Humanos realizou uma ação solidária nesta semana do Natal, para fechar 2015 com  chave de ouro. Pessoas carentes que passaram pela pasta durante o decorrer deste ano foram visitadas de surpresa pelo secretário Emerson Pereira. O objetivo da visita foi verificar como cada família estava vivendo após o atendimento. Todos receberam panetone e caixas de leite. Outras famílias ganharam medicamentos, fraldas geriátricas e alimentos não perecíveis, conforme a necessidade de cada uma.

Durante todo este ano, foram feitas várias ações para atender as necessidades do próximo. Foram emprestadas mais de 10 cadeiras de rodas para uso infantil e adulto para pessoas com deficiência física. Foram oficializados quase 200 pedidos de cesta básica para atender pessoas que passam por dificuldades financeiras. Os inscritos do Projeto Votuporanga em Ação II receberam na semana passada panetones e caixas de bombom, para que o Natal seja mais feliz.

 

Visita

Receberam a visita surpresa do secretário os moradores dos bairros Sonho Meu, Pró-Povo, São Cosme, Santa Amélia, São João, Matarazzo e outros.

A dona de casa Abigail Carmo de Freitas está com o esposo acamado devido a um derrame e recebeu atendimento social durante este ano. Fraldas geriátricas, luvas e colchão “casca de ovo” foram entregues. A família recebeu também panetone, para que o dia de Natal tenha um sabor especial.

“Recebo esta visita com muita alegria. Passamos por muitas dificuldades e nos sentimos lembrados quando alguém nos ajuda, seja de qualquer forma”, disse Ivânia Cândida Freitas, filha de Abigail.

Maria de Fátima de Jesus e Gislene de Jesus da Silva Pereira também receberam a visita do secretário. Ambas moram na rua Olímpio Formenton e foram atendidas pela pasta no setor social. “O leite vai nos ajudar bastante, porque nesta época do ano tudo está muito caro. Temos crianças e elas consomem muito. Qualquer ajuda nos traz benefícios”, disse dona Maria.

Na rua Dr. Antônio Alves da Silveira, os lares de Eunice Conceição e Neide Aparecida Breviato dos Santos também foram contemplados. “Com o leite que ganhamos, faremos doces e bolos para a ceia do Natal. A gente se sente acolhida, importante”, disse dona Eunice.

Sebastiana Caetano da Silva, moradora da rua Alonso Bezerra da Costa, ficou feliz em ser surpreendida em plena tarde de segunda-feira com a visita do secretário. Ela relatou que precisava de alimentos devido ao desemprego que a família vivencia.

 

Direitos Humanos compartilha solidariedade

Nesta época do Natal, uma família que foi ajudada pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos está disposta agora a auxiliar outras. Isto demonstra gratidão e reconhecimento pelo trabalho da pasta, além de  amor ao próximo em um momento de dor.

O senhor Jorge Sanches lutava contra o câncer e precisava de vários produtos para saúde diariamente, mas a família não tinha condições financeiras para a aquisição.

O secretário Emerson Pereira foi informado sobre o caso e através de um apelo feito em sua rede social, conseguiu centenas de doações: inúmeros pacotes de fraldas geriátricas, sondas, soro fisiológico, luvas de látex, gel, gases, lenços umedecidos, colchões “casca de ovo”, entre outros.

“Depois do pedido do Emerson pelo Facebook, recebemos ajuda de moradores de todos os bairros da cidade. Pessoas nem se identificavam. Vinham de carro e deixavam pacotes de fralda na porta de casa, falavam apenas que estavam ajudando porque tomou conhecimento do caso pelo Facebook do Emerson. Agora que meu pai morreu queremos doar este material para quem está precisando”, disse Vagner Sanches. Jorge Sanches faleceu no dia 27 de novembro, às 19h30, em sua casa, localizada no bairro São Cosme. O câncer foi diagnosticado em julho deste ano.

A família é tão agradecida pela ajuda que recebeu que entrou em contato com a Secretaria Municipal de Direitos Humanos para repassar todo o material que ganhou da comunidade. “O que ajudou muito a gente, agora terá serventia para outras pessoas que talvez estejam passando pelo que vivemos nos últimos meses. Acredito que toda ajuda é válida”, destacou Vagner.

As filhas Isabel Aparecida Sanches e Rosemari Sanches de Freitas aproveitaram a oportunidade para agradecer a todos que ajudaram. “Muito obrigada, que Deus dê em dobro”.

O secretário Emerson Pereira levou uma palavra amiga para a família neste momento difícil. “Vocês fizeram tudo o que podiam. Os planos de Deus são diferentes dos nossos. Agora ficou a saudade e as boas lembranças. Tenho muito orgulho de ver a solidariedade da família em querer doar o que vocês receberam”, falou.

Quem precisar do material repassado pela família Sanches pode procurar a Secretaria Municipal de Direitos Humanos, que fica na rua Pe Izidoro Cordeiro Paranhos, n.º 3183 – Centro. O telefone para mais informações é o 3422-2770.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password