Santos despacha o Princesa do Solimões

Santos confirmou o favoritismo e, mesmo sem ter uma boa atuação, avançou na Copa do Brasil ao vencer o Princesa do Solimões, do Amazonas, por 4 a 2, ontem à noite, na Vila Belmiro. No confronto de ida, já havia vencido por 2 a 1 na Arena Amazônia, em Manaus.

 
Na terceira fase, o Peixe vai encarar o Londrina, em partidas que serão disputadas só depois da Copa do Mundo.
O técnico Oswaldo de Oliveira optou por poupar o meia Cícero, um dos principais jogadores santistas. Também não pôde contar com o atacante Leandro Damião, que está machucado.

 
Com isso, o comandante colocou em campo uma equipe com dois volantes de marcação (Arouca e Alison), dando liberdade para o trio ofensivo formado por Geuvânio, Gabriel e Thiago Ribeiro.

 
E foi com seus jogadores de frente que o Santos abriu o caminho para a classificação. Geuvânio lançou Gabriel em velocidade.
Ele tirou o goleiro Rascifran da jogada e mandou para o gol vazio. Aos 24 minutos, em uma jogada pela esquerda, Mena cruzou, Thiago desviou e a bola sobrou para Cicinho, que fez 2 a 0. O Princesa diminuiu com Michel Parintins.

 
No segundo tempo, o Santos voltou disposto a não tomar sustos e logo fez o terceiro gol, quando Clayton He-Man, em um lance bizarro, mandou contra o próprio gol. Aos 13 minutos, Deurick fez 3 a 2, mas Thiago Ribeiro, contando com a falha do goleiro Milton, ampliou.

 
Renúncia
Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro não é mais presidente do Santos. O cartola renunciou o cargo, que fica agora nas mãos de Odílio Rodrigues.

 
Ele vinha exercendo a função interinamente desde agosto de 2013, quando o próprio Luis Álvaro se afastou por questões médicas. Foram justamente estes problemas de saúde que o agora ex-presidente usou para justificar a renúncia.

Agência Estado

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password