Santa Fé do Sul registra morte de paciente com gripe H1N1

Vítima é um homem de 27 anos. Ele estava internado no Hospital de Base de Rio Preto.

 

Um homem, de 27 anos, morreu com a gripe H1N1 em Santa Fé do Sul (SP) nesta segunda-feira (7), segundo a Secretaria de Saúde da cidade.

A vítima, o paciente Daniel Matheus Salazar, estava internada no Hospital de Base (HB) de São José do Rio Preto (SP).

De acordo com a secretaria, Daniel foi levado para a UPA de Santa Fé do Sul e, depois, para a Santa Casa da cidade. Por causa da gravidade, ele foi levado para o HB de Rio Preto, onde estava internado na UTI.

A Secretaria de Saúde disse que ele foi diagnosticado com H1N1 quando estava internado, mas durante o tratamento teve complicações por causa de uma asma que já tinha, além de ter uma pneumonia, o que agravou o estado de saúde.

Ao todo, 21 pessoas já foram diagnosticadas com H1N1 na cidade e outros dois casos em investigação.

 

Outro caso

 

São José do Rio Preto confirmou no dia 14 de abril a primeira morte do ano causada pela gripe H1N1. A vítima é uma mulher, de 51 anos, que apresentou os sintomas no início de abril.

Segundo a secretaria, ela tinha problemas de saúde que contribuíram para o agravamento do estado de saúde.

 

Sintomas e tratamento

 

A gripe – tanto a H1N1 quanto a H3N2 ou a Influenza B – tem como sintomas febre alta e súbita, tosse, dor de garganta, dor no corpo, dor nas articulações e dor de cabeça. No caso do H1N1, um sintoma que chama a atenção é a falta de ar e o cansaço excessivo.

É importante distinguir a gripe do resfriado comum, que é muito mais leve, com sintomas menos graves como coriza, mal estar, dor de cabeça e febre baixa.

O tratamento deve envolver boa hidratação, repouso e uso do antiviral específico, prescrito pelo médico.

G1

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password