Santa Casa recepciona nova turma de Internato

A Santa Casa de Votuporanga recepcionou a nova turma de Internato nesta quinta-feira (2/8). A integração foi realizada no auditório do Espaço Unifev/Saúde, com alunos do quinto e sexto anos, além de docentes e lideranças do Hospital.

O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, deu as boas-vindas. “Sejam bem-vindos. Faz 12 anos que estou aqui como voluntário por amor ao Hospital e à comunidade. Quero apresentar nossa Instituição para que tenham dimensão do nosso Complexo”, afirmou.

Luiz Fernando contou que, somente no ano passado, foram realizados 2.154.284 atendimentos, aproximadamente seis mil pessoas por dia. As estatísticas referem-se a Hospital; SanSaúde; Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs) de Votuporanga, Jales e Santa Fé do Sul; Consultórios Municipais; Farmácia de Alto Custo; Unidade de Pronto Atendimento (UPA); Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu); Mini-Hospital “Fortunata Germano Pozzobon”; Centro de Atenção Psicossocial (CAPS); Serviço de Atendimento Especializado (SAE); CAPS – Álcool e Drogas e Policlínica. “Somos referência para 53 municípios de alta complexidade, abrangendo aproximadamente 500 mil habitantes”, ressaltou.

Em um ano, foram 12.806 internações, além de 85.589 consultas ambulatoriais. “Foram mais de 70 mil procedimentos de urgência e emergência, além de 647.137 exames”, complementou.

Ele destacou o envolvimento da comunidade no dia a dia do complexo. “Arrecadamos mais de R$1,3 milhão com ações promovidas em prol à Santa Casa como leilões, arrastões de alimentos, cofrinhos, Bazar do Bem e a campanha “Saúde que dá Prêmio”, em parceria com a Saev Ambiental. Administrar a Instituição é desafiante, mas receber todo apoio e engajamento de Votuporanga e região nos enche de força e vontade de trabalhar cada vez mais para um atendimento mais humanizado”, enfatizou.

A coordenadora de Recursos Humanos (RH) Médico, Vanessa Bortolozo, afirmou que o momento era de integração, com os profissionais de cada área da Instituição como recepção, Hotelaria, Serviço de Nutrição e Dietética, Ouvidoria, entre outras. “Apresentamos cada setor para que este período seja muito produtivo”, disse.

O Internato é um estágio obrigatório em serviços de saúde destinado a complementar e aprimorar os atos médicos e conhecimentos apreendidos nos períodos anteriores do curso de graduação. As atividades do Internato devem ser de caráter essencialmente prático, sob supervisão docente, com duração de dois anos, passando por diversas especialidades.

A partir de segunda-feira (6/8), os 60 alunos irão atuar na Santa Casa, Pronto Socorro, Unidade de Pronto Atendimento (UPA), programas de Saúde da Família, Serviço de Atendimento Especializado (SAE), entre outros.

0 Comentários

Deixe um Comentário

1 + dezenove =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password