Santa Casa realiza encontro com visitadores religiosos

Instituição promove evento de formação para voluntários do grupo, com orientações sobre Hospital

A Santa Casa de Votuporanga sabe da importância do voluntariado, reconhecendo a sua atuação que transforma o ambiente hospitalar. Norteado pela constante busca da qualidade, com foco no bem-estar de colaboradores, voluntários e principalmente dos pacientes, o Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) realizou encontro de formação para visitadores religiosos no Espaço Unifev/Saúde.

O objetivo foi integrar os participantes do setor de Visitas religiosas, além de aperfeiçoar ainda mais o trabalho. “Desejamos boas-vindas e promovemos programação diferenciada. Convidamos Carlinhos Marques, que ressaltou o perfil do visitador ao som de violão. Foi um incentivo a mais para aqueles que tanto fazem ao próximo”, disse a colaboradora Vanessa Bortolozo, responsável por este segmento no GTH.

Na sequência, diversas áreas do Hospital foram apresentados como Recepção, Hotelaria, Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), Segurança do Trabalho e muito mais. “Nossa proposta foi explanar sobre as normas do Hospital, visitação de geral e também de crianças. Reunimos nossos voluntários para que juntos possamos beneficiar ainda mais nossos assistidos”, complementou.

O coordenador do Grupo de Trabalho de Humanização (GTH), Adriano Marques, enfatizou que o mês de agosto foi dedicado para voluntariado. “Realizamos diversas ações em prol destas pessoas que, motivadas por valores de participação e solidariedade, doa seu tempo, trabalho e talento a uma obra social, visando o bem comum. Nossa programação especial encerra no culto ecumênico em comemoração ao Dia Nacional de Voluntariado nesta terça-feira (28/8), às 9h30. Contamos com a presença de todos para celebrar o amor”, afirmou.

O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, ressaltou estes heróis. “Além de contar com toda estrutura e corpo clínico, nossa Instituição possui outros aliados no tratamento: o trabalho voluntário. Movidos pela solidariedade, o grande objetivo é humanizar o ambiente hospitalar e proporcionar apoio aos pacientes e familiares. Só posso agradecer a cada voluntário, desde meus diretores que me acompanham neste desafio diário, cada pessoa que se dedica pelo próximo seja no Bazar do Bem, Acolhimento, Visita Religioso, Associação dos Pacientes Renais de Votuporanga (Aprevo) ou até mesmo em nossos eventos espalhados pela região. Nosso muito obrigado”, finalizou.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password