Santa Casa discute sobre plano materno infantil 

Em reunião com representantes da DRS XV de São José do Rio Preto, colaboradores realizaram planejamento nas ações. 

Buscar uma melhoria constante nos atendimentos, prezando humanização e excelência. Este é um dos objetivos da Santa Casa de Votuporanga, que se preocupa em proporcionar uma assistência de qualidade. Colaboradores do Hospital se reuniram com representantes do Departamento Regional de Saúde de São José do Rio Preto – DRS XV. Estiveram na Instituição a articuladora da humanização, Lucineia Santos e as articuladoras da saúde da Mulher, Bruna Crema e Rosana Heron. 

Na ocasião, foi discutida a elaboração de um plano materno infantil.Participaram do encontro membros do Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) da Santa Casa e de setores ligados à assistência materno infantil como Centro Cirúrgico, Serviço Social, Qualidade e Enfermagem. 

O enfermeiro obstetra do Hospital, Rodrigo Ribeiro, explicou sobre o plano. “Consiste em traçar metas para alcançar melhores índices de parto normal e reforçar as ações de humanização da assistência materno infantil. Este apoio do DRS nos dá direcionamento nas ações e planejamentos”, afirmou. 

A gerente assistencial da Instituição, Alessandra Zanovelli, destacou que toda maternidade gerida pelo Estado tem que elaborar o plano materno infantil. “Temos várias ações em andamento como a visita das gestantes, possibilitando a vinculação da grávida ao Hospital em que ela dará à luz trazendo tranquilidade e diminuindo a ansiedade. O acompanhante permanece durante internação e nascimento do bebê. A Santa Casa pratica boas práticas ao parto normal, inclusive com a atuação da doula. O plano, sem dúvida, irá fortalecer as ações para o parto humanizado e assim atingir melhores índices”, finalizou. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

três × três =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password