Saiba algumas curiosidades sobre o Uno

Um dos carros mais emblemáticos do país está prestes a sair de linha: o Fiat Uno Mille. Lançado no Brasil em 1984 para substituir o 147, o carrinho foi um sucesso em seus 30 anos de história: foram quase 3,5 milhões de unidades vendidas – já contabilizando os números do novo Uno, que continuará honrando o nome como modelo de entrada da marca.

A Fiat já prepara uma série especial de despedida chamada Grazie Mille, limitada a 2 mil unidades. Baseado na versão Fire Economy, o carro terá rodas de liga leve de 13″, revestimentos internos mais sofisticados, plaqueta numerada com identificação da edição e sistema de som com CD, MP3, viva voz Bluetooth, entrada USB e subwoofer. Vai custar R$ 31.200.

Veja dez fatos curiosos que marcaram a história do Uno.

1 – O projeto original data do final da década de 1970 e foi feito pelo estúdio ItalDesign, de Giorgetto Giugiaro.

2 – O Uno foi apresentado em 20 de janeiro de 1983 no Cabo Canaveral, na Flórida, base de lançamentos de foguetes norte-americana. Por aqui, a fabricação em Betim (MG) começou em agosto de 1984.

3 – A principal diferença entre o modelo fabricado no Brasil e na Itália era que o Uno tupiniquim tinha o estepe no cofre do motor, enquanto o italiano trazia-o no porta-malas. Apesar do maior espaço para as bagagens, muitos criticaram a falta de segurança da medida.

4 – Ganhou no país o carinhoso apelido de “Botinha Ortopédica” por ter linhas quadradas, contrariando o cenário automotivo da época com seus carros mais arredondados.

5 – O modelo foi eleito três vezes “Carro do Ano”: uma na Europa, em 1983, e duas no Brasil, em 1984 e 1991.

6 – Também foi o primeiro carro popular com motor 1.0, no início da década de 1990 – assim surgia o nome “Mille”, do motor de 1.000 cm3.

7 – Teve uma versão sedã a partir de de 1985, chamada Prêmio (que tinha um dos maiores porta-malas da época, com 530 litros) e a perua Elba, lançada em 1986. A Fiorino surgiu em 1988 nas versões picape e furgão.

8 – Foi o primeiro carro turbinado de série no Brasil.

9 – Não é de hoje que a Fiat planeja tirar o Uno de linha. Lançado em 1996, o Palio foi desenvolvido para substituir o carrinho, cujo projeto já tinha mais de 12 anos. Com bons índices de vendas, o Uno resistiu e se despede apenas agora, 18 anos depois do surgimento do Palio.

10 – Em maio de 2010, a Fiat lançou o Novo Uno – que do antigo só emprestava o nome – com nova plataforma e conceito de design “rounded square”, ou quadrado arredondado. Assim o Uno Mille passou a ser chamado apenas de Mille.

 

Jornal do Carro

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password