Saev Ambiental realiza segundo pagamento do PSA Vida ao Marinheirinho

A Saev Ambiental realizou na tarde de hoje (9/11), o segundo Pagamento por Serviços Ambientais – PSA Vida ao Marinheirinho, de recuperação ambiental e proteção de nascentes da Microbacia do Marinheirinho. O evento aconteceu na sede da autarquia e contou com a presença dos produtores rurais e do prefeito Junior Marão.

 

“É com grande alegria que realizamos hoje mais um pagamento para os nossos ‘produtores de água’. O programa é um dos melhores do Estado de São Paulo, sendo assim, podemos dizer que um dos melhores do Brasil, e é graças a este programa que conseguimos garantir além da quantidade a qualidade de nossa água”, destacou.

 

Atualmente são 17 proprietários num total de 32 nascentes. O contrato com os produtores rurais do PSA Vida ao Marinheirinho foi assinado em março de 2015 e o primeiro pagamento aconteceu em outubro do mesmo ano.

 

Segundo o gestor de Meio Ambiente da Saev Ambiental, Gustavo Gallo Vilela, um grande passo dos produtores rurais foi à criação da associação dos produtores em 2010. “Agora, o próximo passo, é iniciar o projeto, com recurso do Fehidro, que é o Fundo Estadual de Recursos Hídricos, que vai nos ajudar a monitor a quantidade e a qualidade da água produzida por estas nascentes”, comentou Gallo.

 

O programa Vida ao Marinheirinho é o maior programa de recuperação de APP’s (áreas de preservação permanente de córregos e nascentes) já desenvolvido no município de Votuporanga. Entre as ações já realizadas dentro do programa estão:  32 nascentes remuneradas pelo PSA, sendo 28 recuperadas, 18.360 mudas plantadas, 60 ha. de área de APP’s de córregos cercadas, 10 bacias de contenção implantadas, três quilômetros de estrada vicinal conservados, além dois programas de educação ambiental.

 

Na ocasião, o prefeito Junior Marão agradeceu aos produtores rurais que fazem parte do PSA, dizendo se sentir honrado pela grande importância que o projeto tem para o futuro da nossa cidade. “Hoje só tenho a agradecer a todos. Votuporanga é um exemplo que deve ser copiado por outras cidades”, enalteceu Marão, que destacou ainda a importância dos dois novos poços profundos que estão sendo construídos no município. “Com a conclusão destes dois novos poços profundos teremos quatro poços, o que facilitará o desassoreamento de nossa represa de captação”, concluiu o prefeio.

 

O programa conta com o apoio da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo com recursos do Fecop (Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição), Caixa Econômica Federal e Agência Nacional de Águas (ANA), além de importantes parcerias locais como: Polícia Ambiental, Associação dos Produtores Rurais da Microbacia do Córrego do Marinheirinho, Promotoria de Justiça, Ong Instituto Ambiente em Foco, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico / Patrulha Agrícola, Cati e EDA.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password