Saev Ambiental completa 44 anos

A Saev Ambiental completa nesta quarta-feira (5 de dezembro) 44 anos de trabalho por Votuporanga. A Superintendência de Água, Esgotos e Meio Ambiente de Votuporanga, conhecida pela sigla Saev Ambiental, foi criada em 1968, na administração do prefeito Dalvo Guedes, pelo decreto Lei nº 1.057/68 e consolidada pela lei municipal nº 1.072 do dia 30 de dezembro de 1968.

Com a determinação, o então Departamento de Água e Esgotos da Prefeitura foi transformado em Autarquia, dotada de personalidade jurídica, autonomia administrativa, financeira e patrimonial próprias, sob fiscalização da Prefeitura de Votuporanga. A mudança significava melhor organização administrativa e técnica dos serviços de saneamento básico, autonomia para gerenciar seus recursos e, conseqüentemente, melhora da qualidade dos serviços prestados à população.

Como lembra um dos funcionários mais antigos da Autarquia ainda na ativa, o químico Antonio Carlos Ferreira, nesta época a cidade já contava com a estrutura básica de abastecimento montada na Estação de Tratamento de Água, inaugurada em 1960. “Mas este sistema não era suficiente para atender toda a cidade e sofríamos com a falta diária de água. Com a criação da superintendência, conseguimos mais recursos para poder criar os poços de abastecimento nas zonas Norte e Sul cobrindo 100% do município com a oferta da água”.

O atual superintendente, Eng. Marcelo Marin Zeitune, comenta que o então prefeito Dalvo Guedes foi um visionário criando a Autarquia naquela época. “Ele pensou muito a frente de vários municípios brasileiros e contribuiu para que hoje tenhamos autonomia e uma estrutura consolidada nos serviços de água, esgotos e meio ambiente. A Sabesp, por exemplo, foi criada somente cinco anos depois da Saev”.
O engenheiro Jesus Silva Melo, ex-superintendente e que ainda presta serviços para a Saev, comenta que “a autarquia é um orgulho de Votuporanga, por estar no município e conhecer a realidade e os problemas da cidade”.  Ao longo das mais de quatro décadas, a Saev passou por vários investimentos, tendo sido um dos principais dele registrado na atual gestão de Junior Marão. Com base na lei complementar Nº.133, de 17 de abril de 2009, o prefeito incluiu a responsabilidade pelo meio ambiente no rol de serviços da Saev que passou a ser chamada de Saev Ambiental (Superintendência de Água, Esgotos e Meio Ambiente de Votuporanga).

A Autarquia criou inúmeros projetos na área ambiental e passou a ser responsável pela varrição de ruas, coleta e reciclagem de lixo, reflorestamento, arborização urbana, entre outros. Em 2010, um grande evento no dia 20 de novembro marcou a inauguração da Estação de Tratamento de Esgotos “Antonio Aparecido Polidoro”, uma obra de mais de R$ 17 milhões e que trata 100% dos efluentes coletados pelo município.

Com a conquista do tratamento de esgotos e os projetos ambientais, Zeitune completa que a consagração veio em 2010. “Foi quando Votuporanga recebeu, pela primeira vez, o inédito Selo Município Verde Azul, entregue pelo Governo do Estado em reconhecimento às ações de preservação ambiental implantadas na cidade, entre elas, a criação do Ecotudo (em maio de 2010) e a construção da ETE”.  Outra premiação importante foi para o Ecotudo. O projeto, inovador no Brasil, recebeu no final de 2010, a menção honrosa do Prêmio Cempre (Compromisso Empresarial para Reciclagem), entregue em São Paulo por representantes do instituto e do Ministério do Meio Ambiente.

A Saev é nossa 

Votuporanga foi uma das únicas cidades da região a criar um órgão municipal voltado aos serviços de água e esgoto. Os municípios que não buscaram por essa autonomia ficaram sob responsabilidade da Sabesp ou outras organizações. A criação da Autarquia foi um marco para a cidade já que o sistema passou a ser gerenciado pelo próprio município e não por um órgão distante da realidade de Votuporanga.  O prefeito João Nucci lembra que na época do governo de Paulo Maluf, sob o regime militar, houve o interesse da compra da Saev pela Sabesp. No entanto, lideranças do município e vereadores resistiram à venda.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password