Rodovias: número de acidentes aumenta 9% no último feriado

O número de acidentes durante a Operação Corpus Christi 2013 aumentou 9%, segundo números divulgados ontem pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo. Porém, os mesmos números revelam que houve uma redução de 19% das mortes. O número de vítimas fatais caiu de 47 para 38.

A comparação foi feita com base no mesmo feriado do ano passado, que compreendeu a mesma quantidade de dias. A operação especial, que teve início às 14 horas de quarta-feira (29 de maio) e se estendeu até às 23h59 de domingo (2), contou com a participação diária de 1,6 mil policiais militares em 600 viaturas.
Embora o feriado prolongado tenha registrado uma diminuição de 19% das mortes, o número de acidentes nos 22 mil quilômetros estaduais apresentou aumento de 9%. Neste ano, foram 1.062, ante 974 acidentes no feriado de 2012. De acordo com a Polícia Rodoviária, a maioria desses acidentes foi causada por imprudência ao volante, como “ultrapassagens em locais proibidos, excesso de velocidade e ingestão de álcool associada à direção de veículo automotor”.
Nhandeara
Na região, o acidente mais grave aconteceu no município de Nhandeara. A colisão frontal entre uma VW Kombi e um automóvel Ford Pampa matou duas pessoas na rodovia Feliciano Sales Cunha (SP-310na noite de sábado. (1º/6). O acidente foi às 22h10, perto do trevo de acesso para a rodovia Péricles Belini (SP-461).
A Kombi de transporte de funcionários de uma usina de álcool da região e o carro colidiram frontalmente sem chance de sobrevivência dos motoristas. Os Bombeiros de Votuporanga foram acionados para o resgate, mas as vítimas não resistiram. Morreram no acidente Osvaldo Silva Ferreira, 47 anos, de Pedranópolis, e Idevaldo Aparecido Silveira, 50, de Monte Aprazível.
Osvaldo era solteiro e deixou os filhos Wesley Faria Ferreira e Eduardo Melhorini Ferreira. Deixou uma neta. Natural de Carinhanha/BA, residia atualmente em Nhandeara. O corpo foi velado por familiares e amigos no Velório Municipal de Pedranópolis e enterrado às 17h de domingo no Cemitério Municipal de Pedranópolis.
Autuações
Durante a Operação, houve 25.146 autuações por infrações de trânsito diversas em todo o Estado, principalmente por imprudência ao volante, como ultrapassagens em locais proibidos, excesso de velocidade, embriaguez ao volante e falta do uso do cinto de segurança. Foram apreendidos 1.203 veículos, 479 carteiras de habilitação (CNHs) e 2.324 documentos de veículos por irregularidades. Ao todo, foram realizadas 29.650 abordagens – o que representa aumento de 20% em relação ao feriado de 2012.
Álcool e direção
Para a fiscalização de embriaguez ao volante, a Polícia Militar Rodoviária contou com mais de 300 bafômetros. Foram lavradas 363 autuações a motoristas que dirigiram sob o efeito de álcool nas rodovias – 26,92% a mais que na Operação Corpus Christi de 2012. Jociano Garofolo – A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password