Rodoviária: monitoramento auxilia na resolução de crimes

Há um ano, o Terminal Rodoviário Leônidas Pereira de Almeida recebeu sistema de monitoramento eletrônico.  A iniciativa da Secretaria de Trânsito, Transporte e Segurança de Votuporanga auxilia na resolução de crimes, contribuindo com o trabalho da Polícia Militar e se tornando ferramenta de investigação e prevenção de ocorrências.

São oito câmeras instaladas em todo o local, monitoradas por um agente de trânsito. “Nos preocupamos com a segurança dos comerciantes e passageiros. O monitoramento inibe ações criminosas ”, disse o chefe de setor da Rodoviária, Luciano Bazi.

O secretário de Trânsito, Transporte e Segurança, Antônio Alberto Casali, comentou alguns episódios em que a instalação de câmeras foi fundamental para a resolução de ocorrências. “Há cinco meses, houve um roubo em uma residência. Os ladrões foram até o Terminal Rodoviário e entraram em um ônibus sentido São José do Rio Preto. Por conta do monitoramento, a Polícia Militar soube qual linha os indivíduos estavam e parou o veículo em Tanabi. Os suspeitos foram presos. Além disso, no Carnaval, a Polícia Civil apreendeu dois quilos de drogas no local, situações que comprovam a importância do monitoramento”, contou.

Os comerciantes do Terminal Rodoviário sentem-se seguros. “Estou há três meses com a minha lanchonete aqui e acho fundamental o monitoramento. Evita muito mal entendido e crimes”, disse Aparecida Felício Esparva, de 60 anos.

O gerente da Expresso Itamarati, Oclecídio José da Silva,  também elogiou o monitoramento. “Há dois anos, fomos assaltados e colocamos algumas câmeras. Com os aparelhos da Prefeitura, a segurança ficou ainda maior e nos ajuda a solucionar casos como embarque e desembarque de passageiros. As imagens são nítidas”, afirmou.

Central

A administração municipal mantém, desde o ano passado, o Centro Integrado de Monitoramento. A sala contém três monitores, que exibem as 23 câmeras de monitoramento espalhadas pela cidade. Casali enfatizou que a Prefeitura de Votuporanga pretende expandir o monitoramento, abrangendo mais pontos. “O nosso objetivo é trazer mais segurança para a população, principalmente nas entradas e saídas da cidade”, complementou.

Atualmente, os aparelhos estão no Terminal Rodoviário Leônidas Pereira de Almeida (8); Terminal Urbano (3); saída para São José do Rio Preto – próximo à Avenida Antônio Augusto Paes (1); saída sentido Fernandópolis – próximo à Cidade Universitária (1); Secretaria de Trânsito (2); Concha Acústica (5) e cruzamento das Ruas Alagoas e Amazonas (3).

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password